in , , ,

Nine Inch Nails no NOS Alive ’18 – Um concerto digno de cabeça-de-cartaz

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Os Nine Inch Nails dominaram por completo o primeiro dia de NOS Alive ’18, tendo sido coroados unanimente como os grandes vencedores do dia. Uma pena ter sido tão curto.

Muitos milhares tiveram de sair depressa do concerto dos Wolf Alice em direcção ao palco NOS, pois iria começar o concerto dos grandes vencedores do primeiro dia do NOS Alive, Nine Inch Nails. A banda liderada por Trent Reznor entrou de rompante, atacando com tudo, e não perdendo tempo com meias-medidas e interacções com o público. Foi assim até quase ao fim, pois o tempo que tinham para actuar era muito curto para o vasto reportório da banda que ajudou a definir o rock industrial. Talvez “picados” pelo facto de só terem uma hora para actuar, actuarem de dia e antes dos Snow Patrol, pode ter dado ainda mais vontade à banda para surpreender os que lá estavam maioritariamente para Arctic Monkeys. Num festival de grande dimensão como é o NOS Alive, que comporta diariamente 55 mil espectadores, os concertos de bandas que não são o maior chamariz do público podem revelar-se bastante complicados.

Foto: Arlindo Camacho/NOS Alive

Com todas as contrariedades em cima dos seus ombros, Reznor e companhia entregaram o melhor concerto da edição do festival neste primeiro dia. No palco a iluminação e a cenografia era genial e completamente de acordo com a música que se ouvia. Por vezes só rodeados de fumo preto e com as suas sombras expostas atrás do palco, ou envoltos numa explosão de cor azul e vermelha, tudo fazia sentido ali. Faixas como “Copy of A”, “Head Like a hole” ou “Hand That Feeds” foram responsáveis pelos maiores momentos de Headbanging da primeira noite. O público que não estava assim tão interessado ou sequer conhecedor da magnitude da banda que ali se apresentava ainda com o sol a raiar foi sendo conquistado a cada música que os Nine Inch Nails apresentavam. Se no início da actuação era normal muitos espectadores estarem a falar entre si ou a consultar as suas redes sociais, ao longo do tempo isso foi diminuindo, culminando na fantástica ”Hurt”. Antes já Trent Reznor tinha dedicado uma versão de I’m Afraid of Americans de David Bowie ao próprio, relembrando-nos todos da memória do eterno Bowie, amigo de Reznor.

Foi mais curto do que o desejável, e talvez não estivessem tão bem enquadrados neste cartaz (o que seria ver este concerto imediatamente antes ou depois de Qotsa), mas os Nine Inch Nails deram tudo e tanto eles, como nós, concordamos que o regresso a terras lusas terá de ser célere.

SETLIST – NINE INCH NAILS

Wish
Less Than
March of the Pigs
Piggy
The Lovers
Shit Mirror
God Break Down the Door
Closer
Copy of A
I’m Afraid of Americans (cover de David Bowie)
Gave Up
The Hand That Feeds
Head Like a Hole
Hurt

 

A CA Notícias esteve presente na edição deste ano do festival nos dias 12, 13 e 14 Julho e poderá consultar aqui toda a informação sobre o NOS Alive ’18. 

Arctic Monkeys no NOS Alive ’18 – Alex Turner não é o novo Nick Cave

 

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

França bate Croácia (4-2) e sagra-se campeã do Mundo

Netflix – Trailer do filme “Sierra Burgess Is A Loser”, com Shannon Purser

Netflix – Trailer do filme “Sierra Burgess Is A Loser”, com Shannon Purser