em

Sérgio Marques: o enigma decifrado!

Na Comunidade Azul, todos os Belenenses são importantes para nós.

Desta feita, após uma simples publicação feita no Facebook por um amigo da Comunidade Azul, decidimos investigar um pouco e descobrir quem foi afinal Sérgio Marques e retirar este antigo jogador do anonimato.

Nascido a 4 de Julho de 1954, Sérgio, jogou no Belenenses durante a década de 70/80.

Sérgio Marques e René antes do treino

Nos anos 70 a 80 fui [jogador] com o Alberto e nesta época o Belenenses ficou em segundo lugar, salvo erro, e tinha uma grande equipa. Repare na equipa dessa altura guarda-redes era Ruas ou Mourinho Murça. Calado, Freitas, Pietra, Quaresma, Godinho, Luis Carlos, Gonzales, Laurindo etc. Não havia hipótese de entrar nessa equipa era só nas reservas mesmo assim com o mister Scopeles e mais tarde com o Peres Bandeira fiz alguns jogos era uma equipa de sonho. Com toda a certeza e arrisco dizer que para mim é sem duvida melhor a equipa da minha geração e comentei isso com o Pietra” Refere Sérgio.

Atualmente, Sérgio é treinador dos juvenis de uma equipa no Porto. “Sim sou treinador do futebol é pena que estou a 300 km de Lisboa, vivo no cidade de porto (…)comentei com o nosso presidente que se vivesse em Lisboa colaborava mais com o clube mas é a vida quem sabe. Tenho acompanhado sempre o clube desde escola até sénior mas em todas modalidades não é só futebol.

Questionámos se tinha iniciado a carreira no Belenenses: “Sim e as coisas não correram lá muito bem, lesão grave e nessa altura para recuperar o atleta não era fácil embora tivéssemos o melhor departamento médico chefiado por Dr.Camacho Vieira não era fácil e acabei de deixar o clube. Sonho um dia trabalhar na formação do nosso clube quem sabe.”

Gonçalo Brandão, Sérgio Marques e Tiago Velho

Recentemente, este antigo jogador do Belenenses, foi visitado por Gonçalo Brandão e João Meira, que lhe ofereceram uma camisola autografada.

É uma sensação inexplicável! Para já foi um prazer enorme estar ao lado dum jovem humilde com carácter que dá tudo o que tem dentro do campo e liderar um grupo tão fantástico como nossos atletas.” Explicou Sérgio, quando questionado acerca da oportunidade de ter estado ao lado de Gonçalo Brandão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Acabou a Época 2013/2014

Sá Pinto: “Quando o nome vem à baila, não é para contratar, é para queimar”

Râguebi: Belenenses é a surpresa das meias-finais

Ricardo Ribeiro por 2 épocas