em

Escape a nova série do Blaze chega a 16 de agosto

O BLAZE prepara-se para receber “Escape”, a série que o vai emocionar e deixá-lo com os nervos à flor da pele! Cinco concorrentes dotados para a engenharia são deixados em lugares hostis com um único objetivo além da sobrevivência: escapar!

No próximo dia 16 de agosto, pelas 22h, o canal BLAZE estreia “Escape”, a nova série que põe à prova os génios da engenharia que põem em prática o seu conhecimento em ambientes bastante mais hostis do que o seu escritório ou laboratório…

Baseado na vida real, “Escape” é um formato novo e emocionante que se junta às competições mais audazes do canal BLAZE e que, desta vez, irá por à prova o engenho e o espírito de sobrevivência dos participantes que irão enfrentar situações limite.

Em “Escape”, um pequeno grupo de engenheiros altamente qualificados é abandonado num ambiente catastrófico, afastado da civilização e com escassez de seres vivos… A sua única opção é construir um veículo a partir do lixo que encontrarem, que tanto pode ser uma aerolancha, uma aeronave ou um carro flutuante… Além disso, têm de produzir a sua própria energia e construir o seu próprio refúgio. Mas aqui não basta lutar pela sobrevivência… os concorrentes têm de ESCAPAR!

Em cada episódio, cinco novos concorrentes enfrentam um território hostil diferente entre o deserto, a neve, a selva e a água…, mas não estão sozinhos! Na liderança do grupo encontra-se Ant Middleton, engenheiro e ex-agente das Forças Especiais britânicas, já conhecido do BLAZE pela sua participação na série de sucesso “Treino SAS”, que oferece uma perspetiva única do desafio mental e físico que os intrépidos concorrentes vão enfrentar neste desafio. Não só têm de enfrentar um terreno adverso e um clima rigoroso, como também têm de resolver as suas diferenças e trabalhar em equipa, se quiserem encontrar uma saída antes de
esgotarem as rações de sobrevivência de que dispõem… Conseguirão arranjar uma
solução a tempo?

Escape à sua realidade e atreva-se a entrar na aventura com “Escape”!

EM AGOSTO…

Fuga do deserto

Cinco engenheiros altamente habilitados são largados num deserto remoto por entre os destroços de um desastre aéreo simulado. Com eles, está o ex-soldado das Forças Especiais e especialista em sobrevivência Ant Middleton, com a missão de os manter vivos em ambiente hostil. O grupo deve conceber e construir um veículo funcional a partir dos destroços… e fugir.

Cada um dos engenheiros – dois homens e três mulheres – contribui com uma aptidão específica para a equipa: um piloto aerobático, um artesão tradicional, um engenheiro aeroespacial e dois engenheiros mecânicos. No local do desastre, não têm o luxo de uma oficina ou sequer de ferramentas para construir um veículo. Dia após dia, o deserto escaldante produz os seus efeitos e, com alimentos e água a escassear, Ant tem de motivar uma equipa exausta física e emocionalmente a arranjar forma de sair de uma situação cada vez mais crítica.

Sexta 16 às 22h

Fuga das Montanhas

Numa região montanhosa remota, o especialista em sobrevivência Ant Middleton e cinco dos melhores engenheiros do Reino Unido são largados no local de um desastre simulado – um desabamento de terras que arrastou vários veículos para um profundo desfiladeiro.

Os engenheiros – três homens e duas mulheres – aproveitam peças dos carros acidentados e, com ferramentas improvisadas, tentam construir um veículo
suficientemente potente para os tirar do desfiladeiro nas montanhas.

A equipa é altamente especializada numa série de disciplinas, da aeronáutica à náutica, passando pela Fórmula 1 e pela mecânica. O quinto engenheiro é um mecânico de automóveis com um só braço, mas as suas capacidades são melhores do que as de todos os outros. Os engenheiros estão confiantes de conseguir superar o meio hostil e os desafios de engenharia, mas, com os efeitos físicos e mentais do clima, a realidade de criar um veículo que suba a escarpa torna-se muito mais complicada do que imaginavam.

Sexta 16 às 22h45

Fuga da Selva

No coração de uma selva remota, o ex-soldado das Forças Especiais Ant Middleton e cinco engenheiros de gabarito são largados no local de um desastre simulado – uma cheia arrastou veículos para um rio infestado de crocodilos.

Os engenheiros – três mulheres e dois homens – aproveitam peças dos carros acidentados e, com ferramentas improvisadas, tentam construir um veículo
suficientemente potente para os colocar em segurança.

A equipa é altamente especializada numa série de disciplinas, da engenharia marítima à construção de motas. Os engenheiros estão confiantes de conseguir superar o ambiente da selva e os desafios de engenharia, mas as condições extremas e a complexidade da tarefa vão produzindo o seu efeito, física e mentalmente, e a realidade de construir um barco capaz de os tirar dali é assustadora.

Sexta 23 às 22h

Fuga da lha deserta

Uma equipa de cinco engenheiros altamente habilitados e o ex-soldado
das Forças Especiais Ant Middleton são largados numa ilha deserta, com os destroços de um barco rebocador e um pequeno ferry de passageiros. A única
forma de escapar do local deste desastre simulado é construir um barco a partir
dos destroços.

Cada um dos engenheiros – três homens e duas mulheres – contribui com uma aptidão específica para a equipa, do design conceptual à engenharia mecânica.

Mas, ao criar o veículo, têm de enfrentar as condições adversas. Com alimentos e água a escassear, Ant tem de motivar uma equipa exausta física e emocionalmente a arranjar forma de fugir.

Sexta 23 às 22h45

Fuga do gelo

Uma equipa de cinco engenheiros especializados é largada no Ártico, no local de um desastre simulado de um avião ligeiro e duas motas de neve.
Liderados pelo ex-soldado das Forças Especiais Ant Middleton, a única hipótese
de fuga dos engenheiros é criar um veículo a partir dos destroços.

Cada membro da equipa de três homens e duas mulheres contribui com uma aptidão específica para a equipa, da mecânica aeronáutica à engenharia mecânica. Mas, em condições cada vez mais geladas, os engenheiros ficam mais debilitados e não chegam a acordo quanto ao que construir, e a fuga parece improvável.

Sexta 30 às 22h

Via

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

foals

Foals lançam ‘Everything Not Saved Will Be Lost – Part 2’, a 18 de Outubro

IMG_1858

De Espanha para Portugal, Álvaro Salvat é o diretor geral da Lime