in

Vodafone Paredes de Coura regressa em agosto de 2021

O festival Vodafone Paredes de Coura aconteceria de 19 a 22 de agosto.

vodafone paredes de coura,2021,covid-19,paredes de coura,Praia Fluvial do Tabuão, Vodafone Paredes de Coura regressa em agosto de 2021, CA Notícias

A 28ª edição do festival Vodafone Paredes de Coura, na Praia Fluvial do Tabuão, em Paredes de Coura, foi cancelado e vai regressar em 2021, entre os dias 19 e 22 de agosto, anunciou esta quinta-feira a organização.

“Como pessoas responsáveis e sérias que somos, estamos a preparar um plano B e acredito piamente que grande parte dos artistas que viriam este ano virão em 2021. Ainda não falámos com todos os artistas, mas muitos vão poder estar”, explicou João Carvalho, diretor do Vodafone Paredes de Coura, em entrevista à Blitz.

“Acredito que vá ser um ótimo ano, com muita oferta. O meu sonho é manter este cartaz e se possível melhorá-lo”, acrescenta.

A realização de festivais de música está proibida em Portugal até 30 de setembro, decidiu hoje o Governo, em reunião de Conselho de Ministros.

“Foi aprovado a proposta de lei, a submeter à apreciação da Assembleia da República, que estabelece medidas excecionais e temporárias de resposta à pandemia da doença COVID-19 no âmbito cultural e artístico, em especial quanto aos festivais de música”, lê-se no comunicado do Conselho de Ministros, hoje divulgado.

“Neste contexto, impõe-se a proibição de realização de festivais de música, até 30 de setembro de 2020, e a adoção de um regime de caráter excecional dirigido aos festivais que não se possam realizar no lugar, dia ou hora agendados”, por causa da pandemia.

O mesmo comunicado acrescenta que, para os espetáculos entre 28 de fevereiro e 30 de setembro de 2020 que não se realizem devido à pandemia da covid-19, está prevista “a emissão de um vale de igual valor ao preço do bilhete de ingresso pago, garantindo-se os direitos dos consumidores”.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 263 mil mortos e infetou cerca de 3,7 milhões de pessoas em 195 países e territórios. Mais de um 1,1 milhões de doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 1.105 pessoas das 26.715 confirmadas como infetadas pelo novo coronavírus e há 2.258 casos recuperados, de acordo com os dados de hoje da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

, COVID-19. MEO Marés Vivas reagendado para 2021, CA Notícias

COVID-19. MEO Marés Vivas reagendado para 2021

, Apesar do reagendamento para setembro, NOS Primavera Sound só regressa em 2021, CA Notícias

Apesar do reagendamento para setembro, NOS Primavera Sound só regressa em 2021