in

Videojogos aproximam comunidades e batem recordes

videojogos,gaming, Videojogos aproximam comunidades e batem recordes

O mundo dos videojogos tem ajudado a aproximar as comunidades nestes tempos incertos. Conheça aqui os vários exemplos que têm marcado as últimas semanas no mundo do Gaming.

Nas últimas semanas todos nós fomos surpreendidos com a situação epidémica que nos levou a cortar grande parte das nossas relações sociais a que estávamos tão bem habituados. Não só em Portugal, mas um pouco por todo o Mundo deixámos de conviver pessoalmente com os nossos colegas, amigos ou até mesmo familiares. Para não sentirmos tanta a falta das pessoas que nos são mais chegadas, muitos de nós nos virámos para os videojogos como o meio em que podemos conviver e divertir-nos.


Se estamos confinados às nossas habitações e se não podemos sair, ao menos podemos visitar as Capitais do jogo Hitman, marcar golos no Camp Nou, ganhar o Money In The Bank da WWE, aproveitar umas férias virtuais paradisíacas em Animal Crossing: New Horizons ou combater a epidemia em Racoon City.

Um meio que é (ainda) olhado de lado por alguns (mas felizmente cada vez menos), serve agora para aproximar comunidades e afastar o receio que a situação do mundo nos pode provocar. Com a proliferação de videojogos cada vez mais virados para a vertente Multiplayer, existem várias opções para entreterem horas a fim, enquanto servem como pano de fundo a conversas com os nossos parceiros de equipa ou mesmo inimigos. É portanto o meio ideal para juntar o Mundo confinado, seja jogando ou apenas vendo.

Não só os habituais jogadores e criadores de conteúdos perceberam isso, como também os atletas, as marcas, celebridades e organizações viram no mundo dos videojogos um belo escape e uma boa oportunidade de manter a relevância das mesmas, funcionando, directa ou indirectamente, como uma alternativa publicitária às habituais.

Começando pelo Futebol, são vários os futebolistas que se viraram dos relvados para os comandos. Entre eles contamos com nomes como Kun Aguero, João Félix, Marco Asensio ou Diogo Jota, todos eles craques no campo e que agora parece que também se safam bem com o comando na mão. Diogo Jota conseguiu até vencer não um, mas dois torneios de FIFA 20 nos últimos dias: o ePremier League Invitational (em que conseguiu ser melhor que André Gomes, Trent Alexander-Arnold ou Sterling) e o #JOGAMOSEMCASA Cup da Eleven Sports (competição que tinha personalidades como André Silva, António Raminhos, RicFazeres ou PedroTim).

#JOGAMOSEMCASA CUP | Diogo Jota e Francisco Cruz procuram lugar na final

No Basquetebol, a NBA também decidiu promover torneios entre os maiores do desporto mas no NBA 2K20 e teve participações de nomes como Kevin Durant, Devin Booker, Patrick Beverley e Demarcus Cousins e serviu para trazer basquetebol (mesmo que virtual) à casa de muitos telespectadores interessados em ver como as grandes estrelas da competição real se comportavam na virtual.

Mas há muitos mais exemplos, já vimos Rafael Nadal a dominar os courts de piso duro “virtual” como os de Roland Garros ou Miguel Oliveira a dar o seu melhor nos circuitos do Moto GP.

O mundo da música também não passou ao lado desta tendência, com o maior expoente a ser a actuação especial de Travis Scott no Fortnite que gerou interesse em mais de 12 milhões de pessoas só no primeiro concerto.

Mais de 12 milhões de pessoas viram a atuação de Travis Scott no jogo Fortnite

Por outro lado sabemos que videojogos como Animal Crossing: New Horizons e o modo Batlle Royale de Call of Duty: Warzone bateram recordes de vendas e de utilizadores activos.

Animal Crossing: New Horizons (Nintendo Switch) | Análise Gaming

O avanço da tecnologia permitiu que consigamos aproveitar o tempo que estamos em casa para manter o contacto com os nossos amigos e familiares. Mesmo longe e afastados podemos experienciar aventuras ou viver a experiência de um Grande Prémio da Fórmula 1.

, Arcade Spirits – Trailer de lançamento (Nintendo Switch)

Arcade Spirits – Trailer de lançamento (Nintendo Switch)

, Stranger Things vs. Umbrella Academy vs. Lucifer | Kiss, Marry, Vanish | Netflix

Stranger Things vs. Umbrella Academy vs. Lucifer | Kiss, Marry, Vanish | Netflix