in

Velázquez: “Quero treinar o mais depressa possível”

, Velázquez: “Quero treinar o mais depressa possível”

Júlio Velázquez falou ao jornal Record sobre a sua saída do Belenenses, bem como sobre o seu futuro, mostrando o seu desejo de voltar novamente ao ativo, garantindo que por esta altura existem emblemas interessado tanto em Portugal como em Espanha.

Para o que virá na sua carreira o técnico não adiantou muito, referindo apenas que “graças a Deus, desde a minha saída houve duas equipas da primeira divisão em Portugal e várias equipas de Espanha que perguntaram pela minha disponibilidade. Quero treinar o mais depressa possível, porque o futebol é a minha vida, a minha paixão e quero estar ativo”.

, Velázquez: “Saio de consciência tranquila mas muito triste”

Velázquez: “Saio de consciência tranquila mas muito triste”

Depeche Mode no Nos Alive’17