Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

“The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

"Wrath" foi o nome do último episódio desta oitava temporada.

Melissa McBride as Carol Peletier, Lennie James as Morgan Jones, Lauren Cohan as Maggie Rhee, Tom Payne as Paul 'Jesus' Rovia, Christian Serratos as Rosita Espinosa, Norman Reedus as Daryl Dixon, Andrew Lincoln as Rick Grimes - The Walking Dead _ Season 8, Episode 16 - Photo Credit: Gene Page/AMC

A oitava temporada de “The Walking Dead” chegou agora ao fim, com um episódio intitulado “Wrath”, que pode ter sido um dos episódios mais humanos de sempre da série, trazendo de volta o novo “lema” de Rick: “A minha misericórdia prevalece sobre a minha ira”.

Os finais de temporada costumam ficar sempre marcados por mortes de personagens principais e desta vez foi diferente, se bem que, por momentos, pensámos que uma certa personagem ia morrer.  Mas vamos começar pelo inicio porque este episódio tem muitas partes que merecem ser analisadas.

CA Notícias “The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

Depois de serem levados para uma armadilha, o grupo de Rick vê-se rodeado pelos Salvadores. Eugene, Dwight e o Padre Gabriel também estão presentes, sendo que o último tem uma arma apontada à cabeça, pronta a disparar. É aqui que se dá um dos grandes momentos do episódio.

Quando a nossa fé em Eugene tinha desaparecido por completo, este tem um ato de heroísmo que até era fácil de prever. As balas que tinha feito foram sabotadas de modo a não dispararem bem. No momento em que os Salvadores começam a disparar, acabam por ser eles a levar com as balas. Assim, Negan não mata o Padre e fica, ele mesmo, com um ferimento na mão.

CA Notícias “The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

Quando Negan começa a fugir, dá-se o segundo momento mais marcante do episódio. Rick vai atrás dele e, num momento em que pensamos que os rivais vão ser capazes de viver em paz, seguindo o desejo de Carl, Rick corta a garganta de Negan com um vidro.

Inevitavelmente, o espectador aqui fica de boca aberta a pensar que o vilão morreu. Mas, depressa, Rick chama Siddiq, dizendo-lhe para salvar Negan. Mais tarde no episódio, a série decide seguir as bandas desenhadas e Rick e Michonne dizem a Negan que o vão manter preso.

CA Notícias “The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

Esta decisão por parte de Rick não agrada a Maggie que quer que Negan morra. Isto leva a um terceiro momento que merece destaque neste episódio: quando Maggie, Jesus e Daryl conspiram contra Rick e Michonne. Sabemos que isto provavelmente não vai correr bem, mas agora temos de esperar alguns meses para saber o que vai acontecer…

Houve ainda mais alguns momentos que merecem ser referidos, como quando Oceanside se juntou à batalha (juntamente com Aaron) e o momento em que Daryl decidiu “libertar” Dwight, que parte em busca de Sherry. Por sua vez, é inevitável referir também a parte final do episódio em que Morgan vai ter com Jadis e diz-lhe que ela pode juntar-se à comunidade de Rick. O que se segue com Morgan é o que podemos ver no novo episódio de “Fear The Walking Dead” que vai pegar esta parte da história e, portanto, vai agradar aos fãs de “The Walking Dead”.

CA Notícias “The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

De resto, podemos dizer que este episódio foi bastante emotivo, até pelo início nostálgico em que Rick e Carl caminham de mãos dadas.

“Wrath” consegue, facilmente, tornar-se num dos melhores episódios (se não mesmo o melhor) desta temporada e pode ser, também, um episódio de mudança.

A partir de agora, as personagens não vão apenas sobreviver, mas sim tentar viver. Já percebemos que existe um maior desejo de criar novas comunidades e que agora existem planos de construções que podem ajudar as personagens a ter uma vida melhor. Pode ser, então, que a partir de agora “The Walking Dead” siga um novo rumo.

Agora resta-nos apenas desejar que a próxima temporada tenha episódios tão bons como esta final.

CA Notícias “The Walking Dead” – Análise “Wrath” #S08E16

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar está a concordar com a utilização dos mesmos. Pode saber mais consultando a nossa Politica de Privacidade. AceitarSaber mais

X