em ,

“The Walking Dead” | Análise “Scars” #S09E14

“Scars” foi o nome do novo episódio de “The Walking Dead”.

E quando menos esperado, “The Walking Dead” surpreende-nos com um episódio diferente, sem Alpha ou Beta, sem grupos novos. Apenas focado em Michonne e no seu amor por Judith… E por Rick.

“Scars” levou-nos numa viagem em flashbacks depois de Judith ter fugido. Michonne revê todo um passado traumatizante, que até agora era desconhecido para o público. Lembram-se de uma cicatriz em forma de X nas costas de Michonne e de Daryl? Finalmente, descobrimos a origem desta cicatriz.

Recuamos até ao momento em que Rick desaparece. Nos episódios que se seguiram tivemos grande salto temporal e pouco sabíamos sobre o que tinha acontecido depois da sua saída. Então, “Scars” leva-nos para depois do desaparecimento e apresenta-nos uma Michonne grávida (já numa fase quase terminal da gravidez, atenção!) e um Daryl desesperado em busca de Rick, a tentarem descobrir se este está morto, mas sem efeito, pois, claro, o corpo dele nunca apareceu. Logo aqui temos um momento arrepiante, com Daryl a dizer que nunca vai desistir de encontrar o amigo.

Twd2

Mais tarde no episódio, surge uma surpresa, uma amiga de longa data de Michonne, Jocelyne. Já não se viam há anos e achavam que nunca mais se iriam encontrar. Jocelyne está acompanhada por crianças e está ferida, então Michonne aceita recebê-los em Alexandria. Só que a “amiga” não demora a fugir… E leva as armas e todas as crianças, incluindo Judith.
Michonne e Daryl partem, então, em busca de Judith. E vão parar a um sítio onde as crianças foram ensinadas a matar. É que Jocelyne, afinal, é uma mulher doida, que tornou as crianças violentas.

O resultado é que Michonne e Daryl são presos e marcados com ferros – cá está, a origem do X. Mas conseguem escapar e procuram Judith. É neste momento que Michonne é cercada por crianças, que a tentam matar. Mas a mulher defende-se e temos um momento chocante de luta entre um adulto, uma mulher grávida!, e um grupo de crianças. Michonne chega mesmo a ser esfaqueada na barriga, num momento capaz de nos tirar o fôlego. Depois, claro, Jocelyn aparece e Michonne mata a antiga amiga e acaba por encontrar Judith dentro de um contentor.

Twd3

Temos um final feliz, mas este foi, sem dúvida, um dos episódios mais chocantes de “The Walking Dead”. Por um lado, ajudou-nos a compreender a acidez de Michonne ultimamente, pois era notável uma grande transformação na personagem depois da saída de Rick.

Por fim, é preciso destacar ainda um momento, já no presente, em que Michonne fala com Negan e este “abre-lhe” os olhos para o facto de ela nem sempre entender Judith. Judith, relembro, quer a união entre as comunidades, ao contrário de Michonne. Depois de uma conversa, Michonne lá é convencida a aceitar ir à feira do Reino e no final do episódio temos as duas a caminho da feira e a dar boleia a Daryl, Connie, Henry e Lydia, que se encontravam a ir para lá também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Rilakkuma and Kaoru | Trailer Oficial [HD] | Netflix 

Rilakkuma and Kaoru | Trailer Oficial [HD] | Netflix

Stranger Things: Temporada 3 | Trailer oficial [HD] | Netflix 

Stranger Things: Temporada 3 | Trailer oficial [HD] | Netflix