em

Silas: “É preciso amealhar pontos”

O Belenenses recebe, este domingo, o Aves, numa partida da 22.ª jornada da Liga NOS, agendada para as 16 horas, no Estádio do Restelo. Ao quarto jogo no comando técnico dos azuis, o treinador Silas assumiu o carácter relevante do encontro frente aos avenses, destacando ambição de vencer o duelo de amanhã.

“Mais do que decisivo, é um jogo importante para as duas equipas. Para nós, porque não ganhamos há muito tempo e para o Aves porque, apesar de virem de uma vitória, também tinham passado por uma fase semelhante. Mas, sobretudo, pelos pontos que estão em disputa, que são importantes começar a amealhar. É importante vencer, como todos os jogos daqui para a frente”, começou por dizer, em conferência de Imprensa.

“Desde que estou aqui, disputámos três jogos. Dois deles a um nível muito bom, que infelizmente não conseguimos ganhar e outro, onde estivemos abaixo daquilo que é exigível na Primeira Liga e perdemos, mas vai ser muito difícil voltarem a apanhar-nos assim. Amanhã vamos defrontar um adversário difícil, que tem um bom plantel e que nos vai criar dificuldades. Vai ser um jogo dividido, mas vamos jogar para ganhar, sem dúvida nenhuma”, acrescentou.

Apesar de não poder contar com Muriel, Tandjigora, Bouba Saré (lesionados) e Fredy (castigado), Silas dispõe agora de mais opções com os regressos de Yebda, Diogo Viana e Chaby. No entanto, continua sem vida fácil…

“Agora tenho outras dores de cabeça. Vou deixar jogadores de fora e acabo por ser sempre injusto, porque eles trabalham todos muito bem. Não tenho razão de queixa de absolutamente ninguém. Foi muito mais fácil na semana passada fazer a convocatória. É apenas por uma questão de estratégia e de características dos jogadores. É verdade que, por um lado, tenho mais opções, mas custa-me deixar alguém de fora que não merecia.”

Via

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Usa o VLC? Então temos novidades para si!

Novidades de Kingdom Hearts 3 reveladas