in

Morreu o realizador de “Massacre no Texas”, Tobe Hooper

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

O realizador Tobe Hooper (conhecido por realizar o filme “Massacre no Texas” em 1974) morreu este sábado, com 74 anos, na Califórnia. Por agora ainda não são conhecidas as causas da morte.

Naceu em Austin, no Texas, no dia 25 de Janeiro de 1943 e foi professor universitário e produtor de documentários (“Eggshell” em 1963) antes de chegar à ribalta em 1974, quando realizou o filme “Massacre no Texas“, um conto gore inspirado no serial killer Ed Gein, que se tornou um dos filmes de terror mais influentes de todos os tempos, tendo chocado tudo e todos, mas com uma brilhante apresentação no Festival de Cannes.

O filme, foi banido em vários países devido à violência, tendo sido também excluído de alguns cinemas. A história é a de “Leatherface” que é um assassino em massa que matou mais de 33 pessoas no Texas usando uma serra eléctrica.

Hopper volta mais tarde com o filme “Eaten Alive” de 1976, mais tarde veio a sequela do filme que o trouxe à ribalta, “Massacre no Texas 2” de 1986. Outras variações do seu sucesso foram as séries televisivas, “Salem’s Lot” em 1979 e “Fun House” em 1981.

Teve também colaborações com Steven Spielberg no grande êxito de bilheteira, “Poltergeist” de 1982. Entre 1985 e 1986, o realizador mudou de planeta e realizou dois filmes de invasões alienígenas, “Lifeforce” e “Invaders from Mars“.

Voltou ao terror com os filmes, “Spontaneous Combustion” em 1990, “Night Terrors” em 1993 e “The Mangler” em 1995. O filme seguinte surge apenas em 2004, “Toolbox Murders“, “Mortuary” em 2005 e por fim em “Djinn” em 2013, mas o terror já tinha mudado e nenhum dos seus últimos filmes atingiu o sucesso do “Massacre do Texas“.

Supa Squad têm um novo single com Virgul

Supa Squad têm um novo single com Virgul

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Já é conhecido o programa da Feira do Livro do Porto