em ,

Canal Hollywood exibe “O Rei Leão” amanhã às 21h30

Para assinalar o 25º aniversário de um verdadeiro clássico da história do cinema, o Canal Hollywood exibe, no próximo dia 12 de julho, pelas 21h30, o filme “O Rei Leão” que deixou uma legião de fãs rendidos a este surpreendente êxito de bilheteira.

 

“O Rei Leão” foi lançado em 15 de junho de 1994, tendo sido aclamado pela crítica e público que o elogiou pela sua música, conteúdo e animação, ganhando entre vários prémios, o Óscar de Melhor Banda Sonora Original (Hans Zimmer) e Melhor Música Original (“Can You Feel the Love Tonight”, de Elton John e Tim Rice), bem como o Globo de Ouro de Melhor Filme Comédia ou Musical.

 

Este surpreendente filme de animação, baseado numa história capaz de comover públicos de todas as idades, tem como protagonista o jovem leão Simba, filho de Mufasa, o rei da selva. Depois da morte do seu pai, Simba é enganado por Scar e abandona o seu reino. Só com a ajuda dos novos amigos Timon e Pumba, vai perceber que tem de cumprir o seu destino como Rei Leão.

 

Na sua extraordinária viagem, Simba corre atrás do seu destino no grande “Ciclo Sem Fim”. Desde a deslumbrante cena de abertura com paisagens africanas, passando por hilariantes momentos “Hakuna Matata”, oferecidos por Timon e Pumba, até ao momento inspirador em que Simba toma o seu lugar de direito como Rei, esta é uma história intemporal e um incrível trabalho de animação.

 

O filme foi o maior sucesso de bilheteira em 1994 e após o relançamento em 3D, em 2011, tornou-se um dos filmes de animação mais vistos de sempre, dando origem a uma adaptação teatral na Broadway, em cena desde 1997, a duas sequelas, O Rei Leão 2 e O Rei Leão 3, e a duas séries televisivas, Timão e Pumba e A Guarda do Leão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sintonia | Trailer | Netflix

Sintonia | Trailer | Netflix

The Cure no NOS Alive – Antevisão do concerto e setlist provável

NOS ALIVE – Assista ao concerto dos THE CURE em directo no site da RTP