em , ,

Bridgetown toma conta do Palco NOS Clubbing a 12 de julho

O Palco NOS Clubbing vai receber dia 12 de julho uma programação especial desenhada por uma das mais importantes editoras e coletivo de artistas independentes da atualidade. A Bridgetown apresenta uma curadoria que junta em palco no segundo dia do festival Saint Jhn (EUA), Dillaz (PT), Plutonio (PT), Carla Prata (Ang/PT), DJ Dadda e convidados (PT), Trace Nova (EUA), a dupla Lé Vie e o coletâneo Nubai Soundsystem.

O Palco NOS Clubbing vai receber dia 12 de julho uma programação especial desenhada por uma das mais importantes editoras e coletivo de artistas independentes da atualidade. A Bridgetown apresenta uma curadoria que junta em palco no segundo dia do festival Saint Jhn (EUA), Dillaz (PT), Plutonio (PT), Carla Prata (Ang/PT), DJ Dadda e convidados (PT), Trace Nova (EUA), a dupla Lé Vie e o coletâneo Nubai Soundsystem.

Saint JhnO rapper norte-americano Saint Jhn nascido e criado em Brooklyn estreia-se em Portugal dia 12 de julho, no Palco NOS Clubbing. Depois de ter começado a sua carreira a escrever para artistas como Usher ou Joey Bada$$, foi com “1999” que Saint Jhn se tornou num dos primeiros fenómenos do virais do Soundcloud, mais tarde “Roses” colocou o artista num patamar ainda mais elevado. Já em 2018 “Collection One”, a mixtape de estreia, recebeu excelentes críticas pela imprensa especializada e será, com certeza, o ponto central da sua atuação no NOS Alive’19.

DillazDillaz é outro dos nomes que integra a Curadoria Bridgetown e é neste dia que o rapper faz a sua estreia no NOS Alive’19. “Nascido no Zambujeiro, desenvolvido na Madorna, Dillas para os ouvintes, Chapz para os do Bairro, André para os chegados, filho para a minha Mãe”, assim se descreve Dillaz. Um dos nomes maiores do rap nacional, Dillaz, representa o que de melhor se tem produzido no hiphop tuga nos últimos anos. Cabecilha dos M75 (Vulto, Zeca & Spliff).

PlutónioNesta curadoria não poderia deixar de estar presente Plutonio. O artista do Bairro da Cruz Vermelha está a viver um dos mais bem-sucedidos anos da sua carreira. “Cafeína” com Dj Dadda é disco de Platina e “Rain” com Mishlawi e Richie Campbell é disco de Ouro. Os seus singles “3AM” e “Preciso de um Tempo” parecem ser um excelente convite ao que será o seu novo álbum com data de saída para o início de 2019.  Representa o “real gansta rap” e o R&B em português e tem vindo a explorar cada vez mais os afrobeats. A sua versatilidade faz com que seja considerado um dos maiores talentos portugueses da atualidade pelos seus pares e pelo público que o segue “religiosamente”.

Carla PrataAs mulheres vão estar muito bem representadas com a presença de Carla Prata. Apareceu ao público português através de “Só uma Vibe” com Dengaz, mas foi talvez “Nostalgia” que a pôs no radar de editoras como a Sony Music. Nascida em Londres, filha de Angolanos, Carla Prata é a maior promessa do R&B feito em Português.  “Se Tu Quiseres” é o primeiro single do álbum de estreia com data para 2019 e já roda nas principais rádios portuguesas, este concerto será sem dúvida um dos concertos a não perder de uma artista a quem se augura um enorme sucesso.

Dj DaddaOutra das confirmações obrigatórias desta curadoria é o DJ Dadda, DJ oficial da Bridgetown. Dadda foi um dos grandes impulsionadores do dancehall em Portugal. Desde 2016 que o seu programa na Mega Hits, Bridgetown Radio, é uma referência no que toca as novas sonoridades Urbanas e em 2018 lançou “Cafeina” com Plutonio, que já é disco de platina. Com novo álbum na calha, Dj Dadda apresenta um espetáculo único com muitos convidados nacionais e internacionais.

Trace NovaDos Estados Unidos chega Trace Nova. O norte americano de apenas 21 anos, produtor e agora artista em nome próprio, trabalhou com artistas como Jhene Aiko, Richie Campbell ou Mishlawi e ficou conhecido pelo público português com o seu featuring em “Afterthought” com Mishlawi, seu amigo de longa data. “Waitlist” o seu single de estreia lançado muito recentemente no Soundcloud, tem crescido a olhos vistos, considerado pelo canal “Elevator” descrito como “everything you need this week” logo na sua semana de estreia. O concerto agendado para dia 12 de julho no NOS Alive’19 será a sua estreia em Portugal depois de ter pertencido à banda de Mishlawi, como teclista, em 2017 e vivido em Portugal por vários meses.

LevieSobe também neste dia a palco a dupla norte-americana Lé Vie, composta por Nadav Chatinover e Max Shakun. Nos últimos anos Nadav Chatinover (produtor também conhecido como Davwave) teve um papel importante no som de Richie Campbell, Trace Nova e Mishlawi, contribuindo para vários dos seus mais importantes singles. Max Shakun, vocalista e guitarrista da banda Parsonsfield, banda que tem conseguido criar um enorme alarido na cena folk-rock americana, juntos fazem LÉ VIE. Melhores amigos de infância, juntaram as suas influências e criaram um som único a que chama de Indie Trap Bangers, uma mistura de melodias indie sob beats de trap… Sem dúvida um dos projetos mais originais de 2018, é um concentro a não perder.

NubaiNuBai Soundsystem é um coletivo de Selectas e Hosters formado em 2003 que viu na cultura que advém da música Reggae & Dancehall uma forma positiva de estar na vida, exprimindo-se através dela. O seu potente sistema de som com 10.000 watts faz as delícias de todos os amantes desta cultura em Lisboa. Habituados a grandes palcos e a viajar pelo mundo fora é na sua residência bimensal a “NUBAI DANCE ALL VIBES” na capital Portuguesa onde mais gostam de atuar, com os seus convidados.  Uma atuação que vai certamente aquecer o palco do NOS Clubbing dia 12 de julho.

Artistas confirmados: Bon Iver, The Cure, Curadoria Bridgetown: Carla Prata, Dillaz, DJ Dadda, Nubai Soundsystem, Plutonio Saint Jhn,Trace Nova, Jorja Smith, Lé Vie, Pip Blom, The Smashing Pumpkins, Sharon Van Etten, Tash Sultana, Thow Yorke.

NOS Alive 2019: Todas as informações | Cartaz | Horários | Notícias

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comentários

Marítimo M., Golo, Valente, 95m, 1-1

Liga (12ªJ): Resumo CD Feirense 1-1 Marítimo M.