in

Vodafone disponibiliza solução de monitorização remota para ajudar no combate à pandemia

vodafone_01

A Vodafone Portugal desenvolveu uma solução de apoio à telemedicina, com monitorização remota, que está a ser utilizada para ajudar as vítimas da pandemia provocada pelo novo coronavírus nos hospitais Garcia de Orta, em Almada, e no Centro Hospitalar Lisboa Norte, Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

O recurso a esta solução de Internet of Things (IoT) permite a estes hospitais anteciparem o regresso a casa dos pacientes infetados com a Covid-19 (C-19), internados nestas instituições de saúde, ao garantir um acompanhamento médico remoto permanente e uma monitorização em tempo real da evolução do estado de saúde dos doentes.

Na prática, os doentes infetados com C-19 que, após receberem tratamento hospitalar, cumpram os requisitos médicos para continuar a terapêutica em casa, levam consigo um kit médico: um tablet, um termómetro, um oxímetro, um medidor de tensão, uma balança, um glucómetro e um botão de pânico, para que possam sentir-se sempre acompanhados por um profissional de saúde ou por um cuidador profissional.

Todos os sensores estão ligados a um Health Hub, não precisam de ser emparelhados e ligam-se automaticamente, não exigindo conhecimentos técnicos aos utilizadores. A solução funciona mesmo se o tablet estiver desligado ou sem bateria. A “enfermeira virtual” dá todas as indicações necessárias para garantir que a monitorização do estado de saúde do doente é efetuada de forma correta.

No próximo dia 25 de junho, a Vodafone Portugal organiza um webinar sobre Hospitalização Domiciliária. Este debate, que pode ser assistido através do link, contará com a participação de especialistas de diferentes países, que partilharão a sua visão, experiências e perspetivas de futuro não só em Portugal, como em outros países europeus.

unnamed (12)

Segunda temporada de Doom Patrol chega à HBO Portugal a 26 Junho

image004 (3)

The Florida Project será transmitido hoje na RTP2 às 23h40