CA Notícias
Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

Rui Pedro Soares revoltado com suspensão

O presidente da SAD do Belenenses manifestou-se esta terça-feira “revoltado” com a suspensão de dez dias que lhe foi aplicada pelo conselho de disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), pela expulsão no último encontro, frente ao P. Ferreira.
“Limitei-me a dizer que a equipa de arbitragem não marcou dois penáltis a nosso favor e apanhei dez dias de suspensão. Imagino que, se tivesse mencionado, entre outras coisas, o antijogo constante que foi permitido e o critério disciplinar do árbitro, tinha apanhado 45 dias”, começou por dizer Rui Pedro Soares, em declarações à agência Lusa.


O responsável pela SAD dos ‘azuis’ foi expulso após o final da partida com o P. Ferreira, que o Belenenses perdeu, por 1-0, tendo sido castigado com 10 dias de suspensão e 383 euros de multa. Rui Pedro Soares apelidou a atuação do árbitro Gonçalo Martins de “vergonhosa” e mostrou-se “revoltado com tudo o que se passou”.
“O primeiro penálti, no início do jogo, é escandaloso. O jogador do P. Ferreira desvia a bola com a mão. Registar esse facto dá 10 dias de suspensão. Agora, gostava de saber que tipo de suspensão o árbitro e o quarto árbitro vão apanhar. Ter sido suspenso é total falta de vergonha”, lamentou.

O presidente da SAD do Belenenses criticou igualmente o quarto árbitro do encontro, Luís Ferreira, considerando que “teve muita responsabilidade no que aconteceu”, uma vez que “não auxiliou como deveria” o árbitro principal, que “fazia a apenas o seu segundo jogo na Liga”.

Rui Pedro Soares revelou ainda que o Belenenses vai “pedir todos os relatórios dos árbitros, desde a 1.ª jornada, para tentar perceber o que se tem passado esta época”.

Com este castigo, o presidente da SAD dos ‘azuis’ fica impedido de se sentar no banco de suplentes na receção de quinta-feira ao Sporting, relativa à 15.ª jornada.


X