Rock in Rio Lisboa deste ano vai ser invadido por cinema

O Cinema chega ao Rock in Rio-Lisboa para invadir o Pop District, o novo espaço da Cidade do Rock dedicado à cultura pop, onde o público poderá encontrar as mais variadas experiências de entretenimento ao vivo dedicadas à música, ao gaming, à arte e ao cinema – os quatro pilares desta cultura.

Além dos já apresentados Super Bock Digital Stage e arena de gaming Worten Game Ring, o Pop District vai ter o “wall of fame” (um muro onde o público pode ver os moldes de alguns dos seus ídolos como Aerosmith, The Who, Ed Sheeran, Shawn Mendes, Maroon 5, Mariza e Xutos & Pontapés), performances de dança inspiradas em filmes e músicas de sucesso, sósias de ícones internacionais, cosplay, pinturas faciais inspiradas empop art, ilustradores de banda desenhada, super heróis, e muito mais. É também neste quarteirão que a 7.ª arte se vai instalar. São oito títulos, entre nacionais e internacionais, que durante os quatro dias de evento vão ganhar vida, sair do grande ecrã e criar momentos de interação com o público através de atividades que irão compor a programação do Pop District.

A organização do evento convidou Ana Markl para a curadoria do Pop District, contando com o seu know-how para esta área inovadora da Cidade do Rock. Além disso, conta também com a UCI Cinemas que, com o seu expertise, foi a responsável por elaborar a programação cinematográfica.

23748844838 321db19fec O

Serão várias as experiências cinematográficas a que o público terá acesso na 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa. Desde ativações na loja UCI, a experiências em pleno relvado, a performances no palco Super Bock Digital Stage, a programação é variada e inclui conteúdos exclusivos com estreia mundial marcada para o festival, além da presença de várias personalidades do mundo da 7.ª arte nacional.

A cada dia de evento, o destaque irá para um filme internacional e uma produção nacional. Os visitantes da Cidade do Rock terão, assim, a oportunidade de viver, em primeira mão, momentos exclusivos de blockbusters como Mission: Impossible – Fallout, The Incredibles 2, Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald e Mamma Mia: Here we go Again, além de filmes bem portugueses como Leviano, Pedro e Inês, Linhas de Sangue ou Quero-te Tanto.

Segundo Nuno Sousa, Diretor de Operações da UCI em Portugal, “Esta iniciativa é uma oportunidade única e inédita, que nos proporciona o Rock In Rio, de o Cinema se promover no contexto de um Festival, ocupando por primeira vez lugar de destaque na sua programação. Alia-se a habitual atenção mediática e notoriedade do evento à promoção das principais estreias da temporada cinematográfica que se segue, e muito justamente não apenas os principais Blockbusters que nos apresentam os estúdios de Hollywood como também as maiores produções de cinema nacional que se estrearão nos meses seguintes ao evento. Tudo isto porque o Cinema é referência incontornável entre a Cultura Popular, este ano celebrada pelo Festival, e ali apresentará um leque de filmes que seguramente estarão entre os maiores sucessos comerciais e reconhecimento popular de 2018”.