em , ,

National Geographic estreia 18.ª temporada de “Mayday, Desastres Aéreos” a 3 de janeiro

"Mayday, Desastres Aéreos" regressa ao National Geographic a 3 de janeiro, para a sua 18.ª temporada.

“Mayday, Desastres Aéreos” regressa ao National Geographic a 3 de janeiro, para a sua 18.ª temporada.

Mayday, Desastres Aéreos’ regressa ao canal National Geographic no dia 3 de janeiro, com a 18ª temporada a ser transmitida todas as quintas-feiras, às 22h10. Esta série revela a crua verdade de cada acidente aéreo, tentando descobrir as suas causas e com isso contribuir para o reforço da segurança aérea.

Ao longo dos vários episódios, serão examinadas as causas das tragédias aéreas e revisitadas as histórias de alguns dos muitos passageiros envolvidos nestes desastres. Investigam-se acidentes aéreos, sequestros, sabotagens, entre outras adversidades que fazem destes acontecimentos um problema para a segurança aérea.
Para melhor explorar estas histórias, os episódios recriam a sequência de eventos que levaram à tragédia com ajuda de tecnologia de ponta que produz imagens computadorizadas.

A série examina os acidentes aéreos e revela a verdade por trás destas tragédias

A série conta ainda com entrevistas a profissionais de aviação, ex-pilotos e investigadores que ajudam a explicar como é que estes casos são investigados e podem ser evitados. As vítimas e os seus familiares dão também o seu ponto de vista e as pessoas que testemunharam os acidentes, dão o seu contributo para a recriação dos eventos.

São testemunhas oculares, encenações cativantes e efeitos especiais que fazem com que esta seja a série com maior longevidade no canal.

ESTREIA: Quinta-feira, dia 03 de janeiro, às 22h10
EMISSÃO: Quintas-feiras, às 22h10

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

2019 vai trazer os melhores torneios de ténis australianos ao Eurosport

2019 vai trazer os melhores torneios de ténis australianos ao Eurosport

Apresentação do livro “A queda de Salazar: o princípio do fim da Ditadura”