Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

MEO Marés Vivas ’18 – Jamiroquai, Goo Goo Dolls e Richie Campbell abriram as festividades, leia o resumo do dia

O Festival decorre de 20 a 22 de Julho

O MEO Marés Vivas arrancou ontem com um novo recinto, na Antiga Seca do Bacalhau, em Vila Nova de Gaia, e com um cartaz recheado de grandes nomes, numa mistura de estilos e sons que agradam a gregos e troianos e que fizeram o deleite das milhares de pessoas que marcaram presença. Um dos grandes nomes da noite foi Jamiroquai, mas Richie Campbell e Goo Goo Dolls não ficaram atrás.


É notável o aumento da área do recinto permitindo a criação de novos palcos e espaços de refeição maiores. No entanto, tenho de referir a desvantagem do solo, que é demasiado irregular tornando-se desagradável quando estamos em frente ao palco durante algumas horas. As filas para comer continuam a ser como no ano passado, enormes.

A noite no Palco MEO começou com o concerto de Manel Cruz, que abriu as festividades as 20h e o caminho para um dos grandes nomes da primeira noite, Goo Goo Dolls que às 21h30 entravam em palco para uma plateia ainda um pouco fraca, mas que não tardou a aumentar e a cantar.

Goo Goo Dolls chegaram e arrasaram, atraindo cada vez mais fãs para perto do palco que cantaram timidamente ao inicio, demorando um pouco a entrar no ritmo da banda. No entanto, mal se começam a ouvir os acordes de “Iris” o cenário mudou e o coro foi afinado e não houve qualquer timidez por parte do público que se fez ouvir um pouco por todo o recinto.

1

Ainda conseguimos espreitar a tenda RTP Comédia, que contava com João Seabra, actuar sem medo e para um público interessado e divertido, que procurava um momento mais calmo e diferente do que tinha lugar no palco principal.

4

Chegou a altura de aproximação para o palco, era Jamiroquai que se seguia e foi sem dúvida um dos grandes nomes da noite, conseguimos perceber isso mal entraram em palco. O público cantou, dançou, filmou e saltou durante todo o concerto enquanto se ouviam grandes hits como “Cosmic Girl“, “Love Foolosophy” e “Little L“.

Jamiroquai não deixaram espaço para falhas ou dúvidas, foi o grande concerto do primeiro dia e ficará na memória de todos o que o viram, pelas boas vibrações que passaram ao público. Ainda assim, foram muitas as pessoas que abandonaram o recinto depois deste concerto, mas a noite ainda não estava terminada, Richie Campbell era o próximo actuar no Palco MEO e a fechar as festividades do primeiro dia.

Richie já é um nome conhecido pelo Norte, são muitos os fãs que tem e foram muitos os que ficaram para o ver, tendo conseguido uma plateia digna de respeito, que sabia as letras de cor e que cantou e dançou do inicio ao fim, não dando tréguas ao cansaço ou ao vento frio que se fazia sentir em certos momentos.

Para surpresa de todos, logo no inicio do concerto podemos contar com Slow J, que horas antes tinha actuado em Lisboa e seguiu viagem até ao Porto para nos surpreender a todos. Foi um concerto fantástico, digno de encerramento desta primeira noite de festividades.

Em suma, foi a forma perfeita de começar esta nova edição do MEO Marés Vivas que promete levar muita gente até à Antiga Seca do Bacalhau durante este fim-de-semana, que poderá contar com um bom ambiente e muita música. Goo Goo Dolls aqueceram a noite, abrindo caminho para Jamiroquai que chegaram e arrasaram, Richie Campbell veio fechar as festividades com boas vibrações.

Os horários para hoje podem ser consultados aqui e as informações úteis podem ser consultadas aqui.

Texto – Márcia Brilhante

Fotografias – Sara Sampaio


X