in , , , ,

Imagine Dragons no NOS Alive ’17 – No palco certo do Festival [com fotogaleria]

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Surpresa do dia para muitos. A música dos Imagine Dragons é épica, não vive de subtilezas. Não é novidade para ninguém que os hits da banda vão mexer com o público. Mas o que torna este concerto surpreendente é a forma como Dan Reynolds sabe exactamente o que está a fazer e o que precisa de fazer. O vocalista corre por tudo o que é sítio, salta para o público, canta com todo o ar que tem nos pulmões. Ele sabe que a sua banda encaixa que nem uma luva nos grandes palcos dos festivais de verão.

Imagine Dragons - Tiago (1 de 14)

Os Imagine Dragons não eram o nome mais excitante do festival por vários motivos: já não são novidade para ninguém, a sua música é demasiado orelhuda para ser levada a sério por grande parte dos festivaleiros (que provavelmente ficaram no Palco Heineken por Spoon), e iam actuar logo antes dos Depeche Mode, uma função complicada.

Imagine Dragons - Tiago (14 de 14)

A partir do momento em que os americanos subiram ao palco NOS todas as dúvidas que podiam pairar sobre o nome da banda se dissiparam. Com a atitude certa e com uma avalanche de hits atrás de hits, foi o concerto perfeito no sítio certo à hora certa. Ter os êxitos ajuda, mas é preciso uma entrega total para levar o público a um clímax musical.

Imagine Dragons - tiago (1 de 1)-11

O alinhamento apresentado também ajudou à festa, sendo focado fortemente no álbum de estreia que permitiu a explosão mediática da banda, “Night Visions”. Ao todo 6 faixas desse álbum foram cantarolados pelo público. O destaque principal obviamente foi para “Radioactive” que fechou o espectáculo, enquanto que “Believer” mostrou a potência do som dos Imagine Dragons e das colunas do palco NOS.

Público rendido, banda rendida também, e assim se passou o final de tarde do último dia do NOS Alive ’17.

FOTOGALERIA

Imagine Dragons - Tiago (13 de 14)

SETLIST

Thunder
Gold
It’s Time
Whatever It Takes
Hear Me
Guitar Solo
I’m So Sorry
Bleeding Out / Warriors
Demons
Walking the Wire
Amsterdam
Drum Solo
On Top of the World
Believer
Radioactive

Texto: Guilherme Teixeira / Fotografia: Tiago Pereira

https://canoticias.pt/entretenimento/depeche-mode-no-nos-alive-17-nao-os-silenciem/

https://canoticias.pt/entretenimento/cage-the-elephant-nos-alive-energetico/

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Jesús Hernández por um ano

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Fredy operado pára três meses