CA Notícias
Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento.

Futsal Liga Sportzone – Sporting vence Benfica nos penaltys e sagra-se campeão

O Sporting vence Benfica na “negra” depois da marcação de grandes penalidades (2-0), e sagrou-se campeão nacional de futsal, após cinco jogos muito disputados da final da Liga SportZone 2017/18.


Típico de um jogo decisivo, este encontro foi mais fechado com ambas as equipas com mais cautelas do que nos jogos anteriores, com mais receio de cometerem erros que podem decidir um campeonato. Como tal, o jogo chegou ao intervalo empatado a zero, deixando os golos e a emoção para a segunda parte.

No início da segunda metade da finalíssima, o Benfica assumiu a liderança do marcador com um golo de Raúl Campos no primeiro minuto da 2ª parte. O Benfica viria ainda a aumentar a vantagem aos 8 minutos do segundo tempo por Fernandinho.

Com o resultado favorável aos encarnados por 2-0, o Sporting teve de ir atrás da diferença no marcador e reduziu dois minutos depois por intermédio de Pany Varela e chegou ao empate por Fortino aos 36 minutos, na marcação de uma falta (a quinta por parte do Benfica). Até ao prolongamento, o marcador não se alterou.

Chegado o prolongamento, o Benfica voltou a arriscar num 5×4, mesmo não estando a perder, e tirou partido dessa estratégia, voltando a pôr-se em vantagem aos 4 minutos do prolongamento por Fernandinho. Na segunda parte do prolongamento, o Sporting decidiu arriscar também no 5×4 e chegou ao empate por Fortino, quando faltavam 3 minutos para o término da partida.

Com 3-3 no marcador, o Benfica voltou a arriscar no 5×4, com Bruno Coelho a fazer o papel de guarda-redes avançado das águias, mas serviu apenas para passar tempo e evitar sofrer um golo decisivo, deixando a decisão do campeão para os penaltys.

Nos penaltys com Gonçalo Portugal na baliza do Sporting e Cristiano na do Benfica, Fortino adiantou o Sporting, enquanto que Daves Morais falhou para o Benfica. Cary aumentou para 2-0 a vantagem do Sporting e Bruno Coelho falhou e deu o título ao Sporting.

No primeiro jogo da final, o Sporting levou a melhor, derrotando o Benfica no Pavilhão João Rocha por 5-4. Na segunda partida, o Benfica empatou a eliminatória, tendo vencido também pela margem mínima no Pavilhão da Luz por 3-2. No terceiro encontro, mudou a tendência vencedora da equipa da casa, e o Benfica foi capaz de vencer no Pavilhão João Rocha por 9-6, após prolongamento, no jogo com mais golos (e polémica) da final desta Liga SportZone. O Sporting também venceu fora o Benfica, tendo marcado mais grandes penalidades do que o seu adversário (2 contra 0), depois de no prolongamento ter ficado 5-5.


Convocados do Sporting:
Gonçalo Portugal, André Sousa, Edgar Varela, Dani, Pedro Cary, Diogo, Caio Japa, Pany Varela, Cardinal, Fortino, Merlim e Dieguinho.

Convocados do Benfica: André Correia, Roncaglio, Cristiano Marques, Afonso Jesus, André Coelho, Fábio Cecílio, Tiago Brito, Bruno Coelho, Rafael Henmi, Miguel Ângelo, Bruno Pinto, Robinho, Deives Moraes, Raúl Campos, Fernandinho e Jacaré.

5 inicial do Sporting: André Sousa, Diogo, Caio Japa, Pany Varela e Dieguinho.

5 inicial do Benfica: Roncaglio, Fábio Cecílio, Robinho, Raul Campos e Fernandinho.

X