em

Fúria Azul volta a enfrentar problemas no acesso

Continuam a repetir-se as situações com o Núcleo de Adeptos Belenenses Fúria Azul, desta feita em Vila das Aves, com os elementos a serem obrigados a entrar sem a roupa que fosse alusiva à Associação registada no IPDJ.

Leia o comunicado na íntegra:

«Vem o Núcleo de Adeptos Belenenses Fúria Azul dar conta da lamentável e surreal forma como foram tratados pelas autoridades, nomeadamente pela GNR, os membros do Núcleo que se deslocaram na noite de dia 11 de setembro à Vila das Aves para assistir ao jogo de futebol entre a equipa local e o Clube de Futebol os Belenenses.

Ao chegarem ao estádio os membros do Núcleo foram abordados por elementos da GNR que indicaram que qualquer adereço com alusão ao Núcleo estava impedido de entrar no estádio, nomeadamente cachecóis e … t-shirts. Esta situação absurda originou que membros do Núcleo tivessem que despir a roupa que levavam vestida e entrar no estádio em … tronco nú.

Já dentro do estádio alguns dos membros procuraram e interpelaram educadamente o Comandante do policiamento que quando confrontado com a situação permitiu que fossem vestidas as peças de roupa com alusão ao Núcleo.

Esta situação é mais uma a juntar ao rol das perseguições que os Adeptos Belenenses, que fazem centenas de quilómetros para apoiar a sua equipa, têm sofrido e que os impede num país democrático onde o direito ao associativismo está consagrado na constituição de exibir as cores e símbolos do Núcleo que está devidamente registado como Associação Juvenil de apoio ao Belenenses no IJP, entidade entretanto substituída pelo IPDJ.

FÚRIA AZUL ULTRAS 1984»

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comentários

Será o Mate 10 ou o Honor 10? TENAA certificou um Huawei de 5,9 polegadas

Um Sony H4233 surge no GFXBench com Android Oreo e ecrã de 6 polegadas