em , ,

Análise Gaming – ‘Le Tour de France 2018’

O Tour de France deste ano já terminou, mas a paixão pelo ciclismo continua acessa! Com o novo videojogo "Le Tour de France 2018" poderás tornar-te no novo Rui Costa ou Geraint Thomas, o vencedor da edição da prova deste ano. Saiba o que achamos do novo título da Focus Home Interactive.

O Tour de France deste ano já terminou, mas a paixão pelo ciclismo continua acessa! Com o novo videojogo “Le Tour de France 2018” poderás tornar-te no novo Rui Costa ou Geraint Thomas, o vencedor da edição da prova deste ano. Saiba o que achámos do novo título da Focus Home Interactive.

Para muita gente, tardes de Verão rimam com praia e ver as etapas das Voltas a França, Portugal ou a Espanha. Durante 2 meses, muitos apaixonadas pelas grandes provas do ciclismo sentem-se num Natal antecipado. As grandes clássicas europeias (e na realidade, todo o ciclismo) já viveram dias melhores, tendo em conta as várias acusações (e confirmações) de doping por parte de alguns dos maiores nomes do plantel. No entanto, é impossível assistir ao esforço que os ciclistas fazem durante a sua carreira e não ficar admirado.

03

Os fãs de ciclismo e de videojogos já sabem que no Verão, para além de poderem assistir às provas clássicas, poderão simular e tentar ser o novo ciclista a deixar a sua marca entre os grandes do ciclismo no novo “Le Tour de France 2018”. Na iteração deste ano, não encontramos nenhuma revolução no género. Quem já conhece ou já jogou algum dos títulos anteriores da Focus vai reconhecer as mecânicas e perceber como deverá jogar.

Mas uma das novidades prende-se com as melhorias realizadas ao nível da Inteligência Artificial, tanto dos adversários como dos companheiros de equipa, oferecendo desta forma uma experiência mais realista e que obriga o jogador a pensar ainda mais sobre como atacar cada etapa e como gerir as participações em cada corrida. Apesar de ainda longe de perfeito (as opções de comunicação para os membros de equipa limitam isso), sente-se que a equipa de desenvolvimento sabe o que precisa de ser feito. À medida que a Inteligência Artificial dos adversários melhora, isso também significa que o jogo torna-se mais complicado…

05

E essa é uma das maiores desvantagens da série e este novo título não difere disso. Quem pretende experimentar o título, tem poucos motivos para continuar a tentar aprender a jogar, pois a curva de aprendizagem é grande, porque para além do jogador ter de aprender a controlar o ciclista (os tutoriais disponíveis são úteis nessa parte), têm também de aprender a ler o percurso de cada etapa, estar de olho nas movimentações do pelotão, e perceber como reagir a essas movimentações.

Para quem não está habituado a ver ciclismo de forma sistemática, isto pode revelar-se como o grande entrave ao jogo. Apesar de contarmos com as indicações e direcções de um dirigente ao longo da corrida, a verdade é que é complicado de entender o melhor a fazer em cada momento. Só mesmo conhecendo a modalidade, e com a prática no jogo e no percurso é que se consegue atingir os melhores resultados.

08

Outra novidade do “Le Tour de France 2018” é o modo de jogo Pro Leader. Seguindo as ideias do já estabelecido modo Pro Team, aqui criamos um ciclista de início, muito mediano, e o qual temos de levar a conquistar o mundo do ciclismo. Pelo que experimentámos, é um modo interessante, mas complicado, pois alguns dos objectivos que eram definidos para cada corrida eram bastante complicados.

04

“Le Tour de France 2018” é direccionado a um público muito específico, agradando certamente a fãs de ciclismo, mas que terá dificuldades em suscitar grande interesse a jogadores que mudam logo de canal quando vêem que está a ser transmitida mais uma etapa da Volta a França. Esta nova iteração na saga não revoluciona os videojogos de ciclismo, mas aprimora a série com a adição de algumas novidades, como o modo Pro Leader e com as melhorias a nível da Inteligência Artificial. Se gostam de ciclismo, e gostam de estratégia nos vossos videojogos, “Le Tour de France 2018” pode ser uma boa escolha.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comentários

David Carreira aproveitou a Supertaça para apresentar novo single

David Carreira aproveitou a Supertaça para apresentar novo single, “O Problema Que Ela É Linda”

Bons Sons - Habitantes Preparam as Boas-Vindas a Cem Soldos

Bons Sons – Habitantes Preparam as Boas-Vindas a Cem Soldos