in

Burger King mudou de imagem

Nova identidade visual Burger King

Burger King apresenta uma nova identidade visual corporativa que estará presente em todos os pontos de contacto com o cliente.

A nova imagem mais moderna assinala a primeira mudança integral da marca em quase 20 anos e refletirá de forma mais fidedigna os valores do Burger King. Esta nova identidade é o começo de uma nova fase de um Burger King com um sabor mais fresco, real e apetecível.  Inclui o compromisso e a aposta da marca na digitalização e as recentes melhorias implementadas para elevar a qualidade e o sabor dos seus produtos com a eliminação de conservantes, corantes e aromas de fontes artificiais, bem como um ambicioso compromisso com a sustentabilidade ambiental.

Hoje, mais do que nunca, o Burger King quer garantir que os clientes se sentem bem com a sua oferta gastronómica deliciosa. Este esforço está espelhado em todo os elementos deste novo desenho, tanto na nova identidade visual como na imagem do restaurante, mas também em toda a experiência do cliente no ambiente digital. Desta forma a marca apresenta um novo logotipo, packaging, mobiliário, materiais de comunicação e decoração do restaurante, para além das redes sociais e ações de marketing digital. O resultado é uma nova imagem que mostra confiança no futuro, sem abrir mão do valioso património da marca ou de tudo aquilo que os clientes amam no Burger King.

Potenciando o prazer e a qualidade através do design, foi realizado um processo para repensar intencionalmente cada elemento e, desta forma, transmitir melhor esta nova viagem gastronómica do Burger King. A essência do design capta as características únicas da marca Burger King: saborosa, grande e atrevida, divertida, irreverente e genuinamente autêntica.

Logotipo. Com toda a segurança, aquilo que o Burger King realmente significa: produtos reais, autênticos e saborosos. Desde o lançamento do logotipo atual em 1999, a empresa evoluiu para uma linguagem de design mais moderna e ligado ao mundo digital. O novo logotipo minimalista adapta-se na perfeição ao desenvolvimento da marca atualmente e homenageia o seu legado com um design elegante que transmite confiança, simplicidade e diversão.

Cor. As cores selecionadas são, sem dúvida, vivas e atraentes, inspiradas no icónico processo de cozinhar a carne na grelha ao mais puro estilo Burger King e nos seus ingredientes frescos. Os novos elementos visuais, nomeadamente as fotografias, possuem uma textura hiper-realista que realça o aspeto sensorial da comida.

Tipografia. A nova fonte exclusiva do Burger King é apropriadamente chamada de “Flame”. O tipo de letra é inspirado nas formas dos produtos que compõe o menu do Burger King e a personalidade irreverente da marca.

Fardas. As novas fardas dos colaboradores remetem para os mestres da grelha, combinando um estilo contemporâneo e confortável com cores e padrões marcantes.

Embalagens. O novo packaging exibe com orgulho o novo logotipo, assim como cores vibrantes e ilustrações divertidas dos ingredientes.

“O design é uma das principais ferramentas para comunicar quem somos e o que valorizamos, e desempenha um papel crucial na criação do desejo pela nossa comida e na satisfação da experiência dos clientes”, refere Raphael Abreu, Responsável de Design da Restaurante Brands International. “Queríamos usar o design como fio condutor para que as pessoas desejassem a nossa comida; a sua perfeição está no autêntico cozinhado na grelha ao mais puro estilo Burger King e, acima de tudo, o seu sabor.”

Os clientes podem ver a nova identidade visual a partir do início de 2021 e nos próximos anos, o Burger King pretende implementar esta nova imagem nos restaurantes de todo o mundo. Em Portugal, o primeiro restaurante com esta nova identidade será inaugurado no primeiro trimestre do ano e a nova identidade será depois implementada gradualmente em todos os restaurantes do país.

TVI: revelado título da nova novela que junta Inês Castel-Branco, Diogo Morgado e Pedro Sousa | CA Notícias

TVI: revelado título da nova novela que junta Inês Castel-Branco, Diogo Morgado e Pedro Sousa

Já vimos “Lupin”, a nova série francesa da Netflix bem ao estilo de “La Casa de Papel” | CA Notícias

Já vimos “Lupin”, a nova série francesa da Netflix bem ao estilo de “La Casa de Papel”