em ,

“The Terror” – Análise “Go For Broke” #S01E01

Produzida por Ridley Scott, David Kaiganich e Soo Hugh, “The Terror” é inspirada em factos reais e retrata a expedição de John Franklin no Ártico, no século XIX.

Algumas séries são capazes de nos agarrar logo no primeiro episódio e é o caso de “The Terror”, a nova aposta da AMC que estreou na noite passada. Produzida por Ridley Scott, David Kaiganich e Soo Hugh, “The Terror” é inspirada em factos reais e retrata a expedição de John Franklin no Ártico, no século XIX.

Mv5botq0owzknzityjnhyy00ywmxlweyytctmgi1owiyngrly2u4xkeyxkfqcgdeqxvymju4odi5mtm@. V1 Sx1777 Cr0,0,1777,999 Al

O primeiro episódio, intitulado “Go For Broke”, apresentou-nos dois navios (o Erebus e o Terror), os seus capitães e comandante, John Franklin (interpretado por Ciarán Hinds), Francis Crozier (Jared Harris) e James Fitzjames (Tobias Menzies), e a sua tripulação leal, ambiciosa e cheia de fé, que partiu em busca do desconhecido, mas também de reconhecimento.

Em contraste com o otimismo dos capitães, começam a surgir mortes e casos de paranoia, derivados do medo. A doença é, também, um problema que estes marinheiros vão ter de enfrentar. A morte de um dos jovens tripulantes logo neste primeiro episódio é apenas uma pequena porção do que está por acontecer em “The Terror”.

Considerada “a aventura de uma vida”, esta viagem não revela ser fácil e o espectador é confrontado com momentos de medo, suspense e angústia, que nos são entregues tanto através do visual como do sonoro.

Mv5botg0ntmzndy0mf5bml5banbnxkftztgwndgxotyxntm@. V1 Sx1500 Cr0,0,1500,999 Al

Em termos de organização, “Go For Broke” teve três momentos distintos: o tempo anterior à viagem, o tempo da viagem e o tempo posterior. O primeiro tempo serviu para situar toda a história e foi bem intercalado na narrativa, tendo sido mostrado através de pensamentos nostálgicos dos tripulantes. Por sua vez, e relembrado que “The Terror” é baseado em factos históricos, o tempo “pós-viagem” avisa-nos que os navios desapareceram e nunca foram encontrados.

Mv5bogm0mwm2zjktndm1zc00zdlklwezntctnwiyzdu4nzq3mdqyxkeyxkfqcgdeqxvymjkwotaymdu@. V1 Sy1000 Sx1500 Al

Apesar de termos algum conhecimento sobre o que acontece nesta expedição, a série é capaz de nos deixar na expectativa sobre o que poderá acontecer a seguir e, por isso, este episódio foi capaz de nos deixar com vontade de ver o que se segue.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 comentários

Já conhece a programação para o próximo IndieLisboa?

Dead Combo – Descubra o novo single “Deus Me Dê Grana” do futuro álbum “Odeon Hotel”