in

Psicologia das apostas em diferentes desportos em todo o mundo

, Psicologia das apostas em diferentes desportos em todo o mundo

A complexidade das apostas desportivas vai muito além do jogo em si, sendo uma temática que engloba muitas vertentes bastante distintas onde a psicologia é, sem dúvida alguma, uma das menos valorizadas, e de forma errada.


Estando cada vez mais presente nas rotinas diárias da sociedade, a indústria do jogo online começa a ganhar um papel fundamental não só em termos económicos, mas também em termos sociais, visto estar a criar-se uma “cultura” à volta deste segmento.

Se é um apostador frequente ou ainda está à procura de enveredar por este caminho, a Melbet é uma das melhores opções no mercado, fornecendo uma plataforma interessante e com muitos mercados à sua disposição.

Apesar das apostas desportivas serem uma área muito abrangente, mas que, ao fim de contas, tem uma essência igual em qualquer parte do mundo, a verdade é que existem algumas caraterísticas que distinguem os diferentes mercados, normalmente devido à sua cultura.

Sendo o mercado asiático plenamente desenvolvido e que tem o país onde mais apostas são geradas por ano em todo o mundo, no Japão, a forma de apostar é completamente distinta de, por exemplo, os Estados Unidos da América.

Os americanos somente agora é que começaram a entrar no jogo online, devido à falta de legalização que existia no país e que, aos poucos e poucos, começam a entrar nos diferentes estados da nação.

Existem inúmeros exemplos que poderíamos usar para falar das diferentes formas de apostar espalhadas pelo globo, sendo os maiores fatores de distinção os valores apostados, a responsabilidade dos mesmos e, muitas vezes, as perspetivas relativas ao jogo em si.

A psicologia das apostas desportivas acaba por ser muito diversificada, não só pela cultura inerente aos apostadores, mas também pela abordagem que cada país tem a esta indústria, estando umas ainda em larga expansão, enquanto outras já se encontram firmes.

O saber como e quando apostar estará sempre ligada à psicologia do apostador como “pessoal individual”, já que todas as pessoas são diferentes, quer em termos emocionais, quer na perspetiva que têm de investimento, algo que acaba por ser fundamental.

Essa diversidade também é notória na maneira como cada desporto despoleta situações diferentes, o que consequentemente, também trará distintas formas de agir, o que muitas vezes é a chave entre um boletim de sucesso ou um perdedor.

Existem desportos com muito maior raio de ações num curto espaço de tempo, sendo as apostas ao vivo um verdadeiro carrossel de emoções para um jogador, como por exemplo, ténis, basquetebol, voleibol, entre outros.

Estes são eventos em que pode apostar em praticamente tudo o que está a acontecer, onde existem poucos momentos “mortos” e onde uma determinada jogada pode ser crucial, mesmo existindo centenas delas durante todo o encontro.

A tendência de um apostador é de, neste tipo de eventos, estes apostarem muito com as emoções, mesmo estando a observar a partida, nem sempre tendo em consideração todos os fatores inerentes ao que está a acontecer.

Este tipo de apostas deveriam ser exploradas por um tipo de jogadores mais calmos, experientes e que sabem gerir as suas emoções, procurando o menor tipo de erros possíveis e não apostando com o “coração”.

Contudo, quando falamos de apostas pré-jogo, a psicologia do apostador já se inverte um pouco mais, sendo algo mais calculista, tentando manter sempre a realidade como ponto de partida e realizando ações mais coerentes, na maioria dos casos.

As escolhas pré-jogo são as mais frequentes atualmente, sobretudo para os utilizadores não terem de lidar com decisões rápidas no ritmo de jogo e porque, na maioria dos casos, estes julgam conseguir prever mais facilmente o resultado da sua aposta.

Algo que entre liga todos os tipos de apostadores e a forma como apostam é o seu poder de saber gerir escolhas ganhadoras e palpites menos certeiros, já que nenhuma pessoa irá conseguir uma taxa de 100% em nenhuma das vertentes.

A capacidade emocional de manter a seriedade e a estratégia delineada após uma aposta vencedora, poderá ser crucial para manter uma sequência de resultados positivos, sobretudo quando os montantes começam a subir.

Mas algo que consideramos ainda mais importante é saber gerir as derrotas, já que a tendência da psicologia de um apostador recreativo é procurar retornar as perdas da forma mais rápida possível, investindo de forma desenfreada e sem um estudo prévio.

Normalmente, os resultados nunca serão positivos nessa abordagem, já que as sequências negativas também acabam com o tempo, mas se souber gerir o investimento para que este não se esgote antes.

Acima de tudo, ser um apostador emocionalmente estável e responsável, será sempre um dos pilares para o sucesso, já que esse fundamento nunca irá mudar, independentemente do desporto, cultura ou situação em que se encontra.

, Mitos sobre apostas desportivas

Mitos sobre apostas desportivas

, The Ultimate Horror Bundle | Trailer de lançamento

The Ultimate Horror Bundle | Trailer de lançamento