in , ,

Ori and The Will of The Wisps (Nintendo Switch) | Análise Gaming

dims

Ori and The Will of The Wisps impressinou-nos e inspirou-nos no início do ano quando o jogo saiu na XBOX One. Agora como será que encarámos este port para a consola híbrida da Nintendo, a Nintendo Switch? Conheçam a nossa opinião.

Ori and the Will of the Wisps, quando foi lançado em Março deste ano, marcou-nos ao ser um dos jogos visualmente mais impressionantes ​​da Xbox One, devido ao seu adorável estilo artístico e uso de cores, em que tudo é muito agradável aos olhos, mas não só. Ori and the Will of the Wisps possui uma banda-sonora magnífica, que nos leva a querer continuar a interagir com a o jogo e com a história. A música combina perfeitamente com as cenas exibidas no ecrã. É um emparelhamento magistral, bastante emocional e tocante.

    NSwitch_OriAndTheWillOfTheWisps_01

Suspeitava que agora em Setembro/Outubro, esta sensação pudesse já ter desaparecido, pois já não é novidade. No entanto, decidi experimentar a versão para a Nintendo Switch e assim conseguir perceber se aquilo que tinha experienciado em Março se se mantinha (ou não). Pois bem, Ori and The Will of The Wisps é mesmo uma obra que perdura, e que na Nintendo Switch consegue impressionar-nos ainda mais, devido às características da consola da Nintendo.

Ori and The Will of The Wisps joga-se de forma quase perfeita na Switch e sem-se sentir que o jogo perde algo em relação à consola da Microsoft (ou ao PC). Melhor dizendo, até se sentem as perdas (na Switch o jogo corre a 1080p na dock, e a 720p em modo portátil), mas o que se ganha com as vantagens da portabilidade compensam em larga parte esta diferença.

NSwitch_OriAndTheWillOfTheWisps_04

Graficamente, apesar de estar a correr numa máquina menos poderosa, o jogo continua magnífico devido à bela direcção artística da Moon Studios. E Ori and The Will of The Wisps é um jogo que merece ser jogado, seja on the go com a Nintendo Switch ou seja numa experiência mais caseira com a XBOX One ou em PC.

Ori é um pequeno espírito que, apesar de pequeno, não é estranho ao perigo e adversidades. Neste jogo começamos em casa, com a nossa família improvável, que é composta por Ori, Naru e Gumo, todos estes personagens do título anterior. Além disso, agora tens o mais recente membro da família: o Ku. Ku é filho de Kuro, a coruja gigante do primeiro título, que era, nem mais nem menos, do que o boss do jogo. Acontece que Kuro apenas tentava proteger a sua família e neste caso Ku era a sua cria. Ku nasce com um problema numa asa e não consegue voar, acabando por ser curada exactamente com uma das penas da sua mãe. Quando finalmente consegue voar, Ku e Ori fazem um voo fatídico que, por causa de uma tempestade, acabam separados na terra destruída de Niwen. O objectivo do jogo é voltar a reunir a família e, para isso, vamos investigar a terra, descobrir os seus segredos e encontrar o verdadeiro destino de Ori. O design do mundo é esplêndido e orgânico. Cada momento em Ori transmite uma sensação de admiração… tudo está cheio de pormenor, cheio de vida ou de morte, dependendo do ponto de vista.

NSwitch_OriAndTheWillOfTheWisps_02

Tal como o anterior, Ori tem controlos simples, mas que respondem com precisão e onde gradualmente vais encontrando diversos obstáculos para superar. No início, tens habilidades muito limitadas (não manténs as que tinhas quando acabaste o jogo anterior), mas, gradualmente, adquires novos talentos e, assim, vais fazendo um upgrade nas tuas capacidades. Essas novas habilidades abrem novos caminhos de exploração, dando acesso a outra áreas.

Os jogadores vão resolvendo quebra-cabeças durante todo o jogo, que desbloqueiam novas zonas a explorar. No cenário, tudo está bastante bem detalhado e vais encontrar uma diversidade gigante de locais, sem nunca perder a noção que estás no mesmo universo… conseguiram criar novamente um mundo maravilhoso para explorar!

Uma grande diferença do Ori anterior é que, neste, vais encontrar vários NPC’s, que vão servir para te dar missões secundárias, ou para te contar a história e te guiar na tua aventura. Também é a eles que recorres para comprar partes do mapa do jogo e que também servem para aumentar os teus poderes.

NSwitch_OriAndTheWillOfTheWisps_03

Depois, nas árvores da luz ganhas as capacidade principais do jogo, que te permitem executar uma série de habilidades acrobáticas para alcançar áreas do jogo, que, à primeira vista, não estavam disponíveis. O jogador passa por muitas tentativas/erros até conseguir o seu objectivo.

O mundo do jogo é maior do que aquele que encontrámos em Ori and the Blind Forest e tem muito mais para oferecer. Entre corridas que podes fazer com outros jogadores que jogam o jogo, entrando numa espécie de ranking geral; há também uma boa quantidade de situações de combate contra mini bosses, ou mesmo uma situação nova, que são as zonas de inimigos, onde podes activar uma espécie de fonte, que vão fazendo inimigos nascer ao pé de ti e que quando os matas a todos, recebes uma recompensa.

NSwitch_OriAndTheWillOfTheWisps_05

Ori utiliza um meio de ataque simples, mas poderoso. Tal como antes tínhamos a chama, agora temos três ataques (ou poderes) que vais poder usar durante o jogo. Os poderes podem ir desde ataques a power ups, como por exemplo, recuperação de energia.

Se o jogo original foi lançado com apenas uma dificuldade, neste já temos várias à escolha, puxando um pouco o que foi apresentado na versão definitiva do primeiro. Aqueles que querem apreciar a história e o cenário, são aconselhados pelo jogo a selecionar “Fácil” ou “Normal”. No entanto, se já concluíste o jogo original sem problemas, poderás tentar jogar no modo “Difícil”.

Ori and The Will of The Wisps é um dos melhores jogos desta geração e agora já podem jogar em modo portátil na Nintendo Switch. Se estavam com dúvidas em relação à performance do jogo na consola híbrida da Nintendo, não tenham. Ori and The Will of The Wisps merece ser jogado, e com a chegada a esta nova consola, mais jogadores terão essa oportunidade.

 

 

Black Desert: Succession Update Official Trailer

Black Desert: Succession Update Trailer Oficial

Call of Duty: Black Ops Cold War | Joga a Beta Pública | PS4

Call of Duty: Black Ops Cold War | Joga a Beta Pública | PS4