in , ,

One Piece Pirate Warriors 4 (Nintendo Switch) | Análise Gaming

Análise feita por: Bernardo Lucas

One Piece Pirate Wa, One Piece Pirate Warriors 4 (Nintendo Switch) | Análise Gaming, CA Notícias

One Piece Pirate Warriors 4 já está disponível para Nintendo Switch, PS4, XBOX One e PC.  Eis a nossa análise à versão do jogo para portátil da Nintendo.

Com o lançamento do quarto jogo da saga One Piece Pirate Warriors, a Omega Force tinha um simples plano, trazer o jogo mais fiel, e divertido, sobre a grande odisseia criada por Eiichiro Oda, e em grande parte conseguiram.

O Pirate Warriors 4 trás de volta o seu estilo de jogo classico inspirado no Dynasty Warriors, incorparando o mundo de One Piece a seu dispor, trazendo 43 personagens jogáveis, alargando assim o seu roster e dando ao jogador mais escolha e diversidade.

Em termos de modos de jogo existem três: Dramatic Log, Treasure Log e Free Log.

Dramatic Log é onde podemos reviver a aventura de One Piece, encarnando as varias personagens do universo e aventurando pelas varias histórias. Como é de esperar, seguimos as aventuras de Monkey D. Luffy e os Straw Hats pelas suas aventuras pelo mundo à procura do grande tesouro do rei dos piratas. A nível de história, o Pirate Warriors 4 é mais selectivo do que os seus antecessores, tenho aqui a Omega Force optado por ter só 6 arcs, quase como um best of dos melhores momentos da serie. Aqui é onde o jogo brilha com cenários detalhados de cada zona da ilha, fazendo com que o gameplay perca um pouco da monotonia, devido aos diferentes ecossistemas que somos postos. A nível de cutscenes há 3 tipos que vão de simplesmente esquisito a excelente. O primeiro tipo de cutscene é uma espécie de close up aos personagens e com bolhas de texto por baixo, o que fica esquisto porque a qualidade gráfica nestes momentos fica a desejar, embora o jogo quando esta em modo gameplay esta optimo e os modelos de personagens ficam bem ao longe, tendo o jogador uma clara noção sobre quem é o inimigo e onde ele está. O segundo tipo de cutscenes são um folhear de livro onde há um fast foward na historia, onde não fica mal e ate é agradável ter um pouco de exposição do que esta a acontecer sem estar a tentar derrotar centenas de inimigos. O últimos tipo de Cutscenes são as main cutscenes que são a estrela do Dramatic log, são cutscenes muito bem feitas onde o modelo de personagem e as suas reações vao de encontro ao anime e dao um necessário sentido de reações e expressões para dar a intensidade emocional que o momento precisava. O dramatic log também conta com uma historia original na ultima arc do jogo, a Land of Wano, embora comece canon, o final é original devido a que na serie ainda não se chegou a conclusão desta arc

O Treasure Log é um estilo de missões secundarias e de vários “E Se…?”, onde se joga missões fora da historia com vários personagens e interações diferentes. Neste modo pode se ganhar medals para melhorar cada personagem e não há cutscenes, o que deixa este modo bastante atras do Dramatic Log.

O Free Log é onde podemos jogar as missões do dramatic log mas com qualquer personagem que queiramos, por exemplo se quiserem que o Kaido se junte aos Straw hats contra a Big mom, no Free Log é onde tudo é possível!

A nível de jogabilidade, o jogo não foge muito ao clássico Pirate Warriors tipo de jogo, em que vários inimigos vão aparecendo, sendo que a maior parte é bastante fraca para nos fazer sentir como um semi deus ao derrotar centenas deles so com um Gum Gum Bazooka até depois aparecer um líder quando essa zona ficar fraca. Derrotando o líder conquista se a zona e repete-se o ciclo.

O que Pirate Warriors 4 faz de melhor que os seus antepassados é que consegue que maior parte dos seus personagens sejam únicos, apesar de existirem categorias de personagens pré-estabelecidas, como os Strong, Speed, Technician, etc. Pirate Warriors 4 acaba por conseguir que mesmo as personagens do mesmo tipo se sintam únicas dentro do tipo, por exemplo o Usopp, o sniper dos Straw Hats, utiliza barris e gás para adormecer os inimigos e depois atacá-los com projectéis de fogo, enquanto Trafalgar Law, uma das “Supernovas” utiliza a seu poder para cortar e enviar inimigos para a distância, e sendo os dois personagens Technician, têm ambos jogabilidades bastantes diferentes.

Os maiores problemas deste jogo são a câmara e a repetibilidade da jogabilidade; a camara é uma das piores câmaras que tenho encontrado em jogos deste género, muitas vezes encontrava-me a lutar com obstáculos à frente da câmara e demorava imenso a conseguir pôr a camara numa posição adequada. Há um botão para ajuste da câmara e eu usei esse botão mais vezes do que usei alguns super ataques. A repetibilidade do gameplay é uma consequência do tipo de jogo que é, embora os inimigos mais comuns não tenham variedade nenhuma a nível de ataques, so mudam mesmo o modelo, e muitas vezes esta tanto a acontecer no ecrã que não se percebe bem o que é para fazer na missão em questão visto que estas vão alterando os objectivos ao longo da missão.

Existe também uma novidade que são as skill trees, onde podemos fazer upgrades aos personagens, como aumentar a vida, ataque, stamina, etc, e quando se aumenta esses stats existe uma grande diferença no jogo. Existem três skills trees, a primeira é comum e aplicável a todas as personagens e as outras duas são exclusivas a cada personagem, podendo aumentar e desbloquear novos ataques e transformações.

O online esta disponível logo no arranque do jogo, em forma de Co-op, embora recomendo que o mesmo seja feito com amigos, porque jogar com pessoas aleatórias acaba por ser uma experiencia pouco satisfatória onde muitas das vezes um dos jogadores esta acima dos níveis da missão e acaba por varrer os inimigos todos facilmente e sozinho.

Em suma , este jogo é claramente para fãs do One Piece, e não tenta atrair novas pessoas para a serie, visto que a maneira como contam a historia é mais como um lembrete do que já passou e focando nos melhores momentos da historia. É o melhor jogo da serie Pirate Warriors e arrisco dizer que também, mesmo com os seus problemas inerentes, é o melhor jogo de One Piece ate a data.

 

One Piece Pirate Warriors 4 (Nintendo Switch) | Análise Gaming
One Piece Pirate Wa, One Piece Pirate Warriors 4 (Nintendo Switch) | Análise Gaming, CA Notícias

One Piece Pirate Warriors 4 já está disponível para Nintendo Switch, PS4, XBOX One e PC.  Eis a nossa análise à versão do jogo para portátil da Nintendo.

Product In-Stock: Not Available

Editor's Rating:
3.5
, Postais Mortíferos – Trailer Legendado | PRIS Audiovisuais, CA Notícias

Postais Mortíferos – Trailer Legendado | PRIS Audiovisuais

, Jaskier Reads The Witcher (feat. Joey Batey) | Netflix, CA Notícias

Jaskier Reads The Witcher (feat. Joey Batey) | Netflix