CA Notícias
Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento.

“Manson, Outra Teoria” assinala o 1.º aniversário da morte de Charles Manson

O canal Crime + Investigation™ lembra um dos maiores assassinos da História com uma emissão especial de “Manson, Outra Teoria”. Um ano depois da sua morte, os seus crimes continuam a ser polémicos e a investigação mantém-se em aberto.


Integrado no especial global de programação  “Crenças Perigosas” do Crime + Investigation™ de 18 a 24 de novembro, o canal assinala o aniversário da morte de Charles Manson, autor de alguns dos crimes mais brutais de sempre, com a emissão de “Manson, Outra Teoria”.  A 19 de novembro, pelas 23h10, este especial revela novos segredos sobre a investigação dos vários casos em que Manson esteve envolvido.

Em “Manson, Outra Teoria”, são reveladas 26 horas de gravações de áudio nunca antes transmitidas e desvendados segredos inéditos deste violento assassino.

Em agosto de 1969, Sharon Tate, grávida de oito meses  e meio foi assassinada na sua mansão, assim como as amigas que a acompanhavam. No dia seguinte as vítimas foram Leno e Rosemary LaBianca, que sofreram as mesmas particularidades que distinguiam Manson: violência extrema, drogas e crueldade.

Através desta investigação, Cliff Shepard, um detetive reformado do departamento de polícia de Los Angeles, e o investigador Charlie Cook, tentam esclarecer os crimes cometidos por Manson em 1969 e investigam duas outras mortes suspeitas, que estão presumivelmente ligadas ao assassino e à sua família.

O ponto de partida para a investigação de Shepard e Cook é o acesso único às gravações de áudio reveladas entre Manson e o seu confidente Marlin Marynick, ao longo de dez anos, que podem vir a alterar a extensão dos seus crimes.

Conseguirão Shepard e Cook provar que Manson é culpado de outros dois crimes brutais? Descubra no Crime + Investigation™!

X