em , , ,

Critica: “Carros 3” (Cars 3)

Passados 11 anos desde a estreia de Carros, o filme da Disney Pixar, teve finalmente a sua merecida sequela, com a estreia de Carros 3. Apesar de, em 2011 ter estreado Carros 2, a sequela não foi bem recebida pelos fãs, que na altura ficaram desiludidos com o desenrolar da história do McQueen.

Passados 11 anos desde a estreia de Carros, o filme da Disney Pixar, teve finalmente a sua merecida sequela com a estreia de Carros 3. Apesar de, em 2011 ter estreado Carros 2, a sequela não foi bem recebida pelos fãs, que na altura ficaram desiludidos com o desenrolar da história do McQueen. Agora, a Pixar decidiu dar aos fãs o que eles tanto pediram ao longo dos anos, Carros 3, a magnifica sequela do primeiro filme, que nos trás Faísca McQueen de volta à ribalta.

O filme traz de volta o sentido de humor e competitividade de Faísca (Owen Wilson), assim como as suas manias e convicções, mostrando que mesmo com o passar dos anos Faísca não perdeu a sua essência. Logo no primeiro momento do filme temos o nosso protagonista a dizer a si mesmo “Velocidade. Eu sou veloz”, no entanto tudo parece correr mal quando numa corrida é ultrapassado por Jackson Storm (Armie Hammer), um carro tão silencioso que nem deixa Faísca ouvi-lo a aproximar-se.

Temos assim a trama do filme, Faísca, que era o mais rápido foi ultrapassado por um modelo mais recente que agora o quer mandar para a reforma. A questão que se coloca é, será que irá conseguir?

No filme temos as personagens do costume, Mater (Larry the Cable Guy), Sally (Bonnie Hunt), Luigi (Tony Shalhoub), mas temos uma nova adição muito importante na história, a treinadora Cruz Ramirez (Cristela Alonzo) que é responsável pelo treino de Faísca.

Este é sem dúvida um divertido filme de animação para os miúdos e para os graúdos, assim como para quaisquer fãs do primeiro filme da saga, que têm aqui o tão esperado regresso às origens de Carros. É um excelente filme para levar os mais pequenos a ver no cinema, pois já se sabe que há sempre uma mensagem nos filmes da Pixar e Carros 3 não é uma excepção à regra.

É um filme divertido, com várias piadas bem conseguidas, que não deixa prever o final tão facilmente quanto seria expectável. Temos novas amizades a surgir, quando tudo parece perdido. Temos rivalidade, corridas, superação e desafios novos para Faísca e Ramirez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resumo: Basileia 1-2 Belenenses

Cleylton Santos reforça Belenenses

Carros 3 foi o filme mais visto neste fim de semana