in ,

Astro’s Playroom (Playstation 5) – Primeiras Impressões do jogo e da PS5

Astros_Playroom_screenshot_09

Fomos convidados pela Playstation Portugal a experimentar pela primeira vez a nova consola da Sony, e o jogo que virá incluído em todas as consolas, o Astro’s Playroom. As nossas primeiras impressões da PS5 e do jogo são bastante positivas.

A nossa primeira experiência com a Playstation 5 aconteceu a convite da Playstation Portugal em que tivemos a oportunidade de experimentar um nível de Astro’s Playroom, o jogo que vem incluído em todas as consolas e que demonstra bem as capacidades da consola e também do novo comando, o DualSense.

Mal chegámos ao local de experimentação, fomos confrontados com a imponência da PS5. Desde a revelação das primeiras imagens da consola, muito tem sido dito sobre o tamanho da consola. Agora, vendo-a com os nossos olhos pela primeira vez, podemos confirmar que é de facto uma caixa grande, maior do que qualquer outra Playstation. Mas também podemos confirmar que a consola é esteticamente muito apelativa (pelo menos na opinião deste que vos escreve) e é claramente um objecto que transborda sensações de nova geração. Se ficará bem em todas as mesas e/ou aparadores, podem haver mais dúvidas.

Depois tivemos a possibilidade de pegar no DualSense e preparar-nos para começarmos a jogar, e foi aí que nos apercebemos da qualidade e da sensação “premium” do comando, principalmente se o compararmos com o seu antecessor DualShock 4. Não por acharmos que o DualShock não é um comando capaz, mas porque este DualSense parece-nos, nestas primeiras impressões, um comando mais completo e impressionante. É um comando maior e mais pesado, mas que aparenta oferecer conforto ao jogador, algo que só poderemos confirmar definitivamente após várias horas de uso, consecutivas, algo que ainda não aconteceu.

Mas em termos de primeiras impressões, o que salta mais à vista neste comando são as suas novas funcionalidades em comparação com o DualShock 4. E a demo de Astro’s Playroom que podemos jogar, destaca muito bem essas características.

Astros_Playroom_screenshot__17

Em Astro’s Playroom controlamos Astrobot, o pequeno robot que teve o seu grande destaque no exclusivo Playstation VR, Astro Bot Rescue Mission. Do que podemos experimentar, Astro’s Playroom apresenta-se como um jogo de plataformas que pretende mostrar todas as capacidades da consola, tal como do DualSense, enquanto coleccionamos e encontramos relíquias nostálgicas que marcaram as diferentes gerações Playstation.

No nível que jogamos foi possível encontrar pequenos Bots espalhados pelo mapa do nível a replicarem cenas icónicas de jogos que associamos à Playstation, como por exemplo Resident Evil, Metal Gear Solid, Unchated ou Sly Cooper. Sem querer estragar a experiência dos futuros possuidores de uma PS5, devo dizer que é complicado passar muito tempo em Astro’s Playroom sem esboçar um sorriso. 

Screen 2

Astro’s Playroom destaca todas as novas funcionalidades do DualSense, como por exemplo os gatilhos adaptativos, que oferecem possibilidades ilimitadas, caso seja bem aproveitado pelos developers no futuro. Para dar um exemplo, no Hub do jogo o Astro consegue ter acesso a um arco e flechas, e no simples movimento de disparo das flechas conseguimos sentir uma maior tensão do que estamos habituados nos gatilhos. Isto oferece a possibilidade de termos armas diferentes num shooter em que para conseguirmos disparar necessitamos de fazer uma diferente pressão no botão, dependendo da arma que temos em posse. Ou por exemplo, num jogo de desporto, termos de fazer muito mais pressão nos gatilhos quando os jogadores estão mais cansados.

Aliado a esta mudança que aumenta a imersão no jogo, temos também o feedback háptico que oferece diferentes sensações. Agora a vibração do comando não é vibração apenas e só, é muito mais subtil e mais customizável, pois depende do que acontece no jogo. Se estivermos no gelo, a vibração é diferente, do que se tivermos na areia. E se isto não fosse o suficiente para dar uma experiência imersiva diferente ao jogador, eis que entram em campo as colunas do DualSense que ao contrário das do DualShock 4, irão ser bem mais usadas, pois são de melhor qualidade e são parte integral nesta experiência.

Screen 1

Há funcionalidades que não tivemos a oportunidade de experimentar como o microfone por questões de higiene, mas daquilo que experimentámos o DualSense, a PS5 e o Astro’s Playroom deixaram muito boa impressão.

Chegando ao final do nível, deixámos de ter dúvidas que Astro’s Playroom, ao contrário do mal recebido The Playroom, vai ser jogado por grande parte dos jogadores PS5, pois é uma experiência muito sólida que oferece muita diversão, enquanto nos dá a entender as novas características do DualSense e vivemos a nostalgia Playstation. Astro’s Playroom olha para o passado da Playstation, enquanto aponta baterias para o futuro. Ficámos ainda mais ansiosos pela PS5.

 

Windbound - Dev Diary: Kara

Windbound – Dev Diary: Kara

Jeopardy! PlayShow Now Available - YouTube

Jeopardy! PlayShow Now Available – YouTube