em

Está aí um smartphone Android praticamente impenetrável

A Sirin Labs propõe um smartphone Android, concebido com os melhores materiais de construção e praticamente impenetrável, mas custa qualquer coisa como 12.582 euros.

A Sirin Labs propõe um smartphone Android, concebido com os melhores materiais de construção e praticamente impenetrável, mas custa qualquer coisa como 12.582 euros.

A empresa israelita propôs-se a fabricar um dispositivo verdadeiramente inovador ao criar o Solarin. Um equipamento concebido ao detalhe desde a sua construção até à segurança dos dados do utilizador, concebido para ser praticamente impenetrável, garantindo definições de privacidade “pioneiras”.

Os ataques cibernéticos são uma epidemia em todo o mundo. Esta tendência está a aumentar. Apenas um ataque pode prejudicar severamente reputações e finanças. As novas medidas de privacidade pioneiras e não comprometedoras providenciam aos clientes uma maior confiança e a garantia necessária para lidar com informação sensível para negócios”, referiu o CEO e co-fundador da Sirin Labs, Tal Cohen, ao Business Insider.

No que a especificações técnicas diz respeito, o Solarin conta com um ecrã IPS LED 2K de 5.5 polegadas, um processador Snapdragon 810, 24 bandas de LTE. Já a conexão Wi-Fi, diz que neste equipamento, isso é coisa do passado, o Solarin traz um tipo de conectividade muito superior. A câmara deste equipamento também não ficou esquecida e oferece um sensor com 23.8MP.

Tal como referimos acima, o preço deste ‘simpático equipamento’ ultrapassa os 12.000 euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Festas de Lisboa ’16: Comboios especiais na madrugada da Festa de Santo António

Isabel de Santiago explica convite para viagem a São Tomé e Príncipe

Belenenses aprovou louvor para João Raimundo