CA Notícias
Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

Sob a cruz da luta pela permanência

GRANDE OBJETIVO É CONSOLIDAR ESTATUTO NA 1.ª LIGA


A apresentação oficial da equipa do Belenenses poderia ter sido igual a tantas outras, mas não foi. No primeiro dia de trabalho. Lito Vidigal disse que os jogadores contratados tinham sido escolhidos pelo presidente da SAD. Rui Pedro Soares, e este garantiu que os reforços pedidos pelo técnico não podiam ser enquadrados na realidade do clube.

Aos elementos contratados aquando da apresentação – Palmeira, Fábio Nunes, Mailó e Abel Camará -, juntaram-se mais dois, no caso Gonçalo Brandão e Rodrigo Dantas, o que Lito Vidigal considera insuficiente.

O treinador afirmou recentemente que esperava, pelo menos, a contratação de mais 4 jogadores, em nova demonstração pública de desagrado com a constituição do plantel. A sociedade anónima ainda não se pronunciou sobre o tema, mas admite a chegada de mais elementos, sem especificar quantos…

Estabilidade

Excetuando um ou outro jogador, o clube do Restelo manteve a base da época passada, que de resto já vem da 2.ª Liga. A máxima de que a estabilidade é meio caminho andado para o sucesso pode perder expressão se o desempenho da equipa esta época for igual ou pior em comparação com a anterior, na qual os azuis alcançaram a permanência na última jornada do campeonato.

A cruz do Belenenses pode muito bem ser a mesma, isto num ano em que a SAD quer consolidar o estatuto do clube na 1.ª Liga, mas também o projeto de reestruturação que teve início quando Rui Pedro Soares assumiu a presidência da sociedade.

Lito pode não ter uma herança tão pesada como alguns dos seus colegas mas, como o próprio diz. “o Belenenses é um grande”. Por isso, lutar apenas pela permanência pode ser redutor…

REGRESSO DO AVANÇADO GEROU DISCÓRDIA

Abel de vilão a herói

O regresso de Abel Camará ao Belenenses foi tudo menos consensual. Grande parte dos adeptos do clube foi contra a sua contratação, assobiando mesmo o jogador no primeiro jogo de pré-época que este realizou. A esse episódio seguiu-se um comunicado da Fúria Azul – que considerou Abel Camará “indigno” de vestir a camisola do Belenenses -, repudiando algumas alegadas atitudes do avançado aquando da sua primeira passagem pelo clube.

Tudo isto ocorreu durante um teste com o Oriental. Depois. o plantel do Belenenses pensou em demonstrar a sua solidariedade com o avançado entregando-lhe a braçadeira de capitão no encontro com o Sporting. algo que não chegou a suceder.

Abel Camará acabou por pedir desculpa aos adeptos – tal como estes exigiram e as vaias transformaram-se em aplausos, muitos aplausos. E o jogador correspondeu com dois golos na pré-época…

por ALEXANDRE MOITA

http://feeds.feedburner.com/CronicasAzuis

Via: Crónicas Azuis


X