in

Como Cuidar e Onde Comprar as Suas Plantas Interiores?

Plantas de Interior - Onde Comprar Online e Como Cuidar?

A tendência veio para ficar: são cada vez mais as pessoas que aderem ao cultivo de plantas interiores durante a pandemia. Já existem várias pessoas que se dedicam a explicar como cuidar das suas plantas em casa e novos negócios para comprá-las online.

Se há uma verdade incontestável é que a pandemia da Covid-19 alterou os hábitos do quotidiano dos portugueses. Para além de ter surtido um grande impacto na saúde e na economia do país, esta nova realidade colocou as pessoas entre as suas quatro paredes, levando a que muitas olhassem para o seu cantinho com outros olhos. Ora, quer por aborrecimento ou por excesso de tempo em casa, foram cada vez mais as pessoas que se debruçaram na decoração, remodelação e até mesmo no cultivo de plantas interiores.

Com o país em suspenso por causa do confinamento, já são várias as lojas que investiram na venda de plantas online. De momento, as mais conhecidas são a Vivplant, a Super Botanica e a Urban Jungle. Mesmo assim, esta também foi a altura para novos negócios aproveitarem este boom e encontrarem uma oportunidade para melhorar a oferta neste sector. 

A Muski é a nova marca especializada em plantas kokedamas, já estando disponível para que realize as suas encomendas online. Estas plantas podem ficar suspensas e provêm de uma técnica japonesa de arte floral. Além disso, não precisam de vaso, já que as próprias raízes abraçam a terra necessária para a planta se sustentar. Para além do toque na decoração, estas plantas são relativamente fáceis de cuidar e englobam várias espécies para gostos diversificados. Monstrinha, Dragão, São Jorge, Ananás e Plumette são algumas das opções disponíveis.

Plantas de Interior - Onde Comprar Online e Como Cuidar?
A Torcida é uma das opções para compra

Mas os pequenos negócios também se destacaram. É o caso do plantasdecesar, que vende plantas numa loja virtual e através do Instagram. Os portes de envio rondam os 4,50€ (para entrega em 48 horas) e o pagamento pode ser feito por transferência bancária, MBWay ou PayPal. No seu canal do Youtube, vai encontrar dicas para tratar das suas novas companheiras da melhor forma e mantê-las saudáveis.

Caso seja novo por estas andanças, a guru das plantas explica tudo. Desde o primeiro confinamento que Sofia Manuel, também conhecida como “A Tripeirinha” no Instagram, acompanha os entusiastas nesta nova paixão, tendo já conquistado cerca de 66 mil seguidores. Desde dicas para deixar as plantinhas mais felizes a como lidar com pragas, Sofia mostra tudo o que fazer e o que não fazer enquanto monta o seu minijardim em casa. E nenhuma espécie fica de parte.

Até existe uma ajuda extra para os que vão comprar as suas primeiras plantas. É caso para dizer que vai encontrar um género de “guia para totós” das plantas com o essencial para que o desenvolvimento e crescimento das suas plantas seja um sucesso:

Para além desta tendência, os portugueses têm se dedicado às alterações na decoração e remodelação da casa. É que esta é mesmo a altura ideal para meter mãos à obra. 

Para casos mais extremos que precisem mesmo de uma melhoria urgente, algumas pessoas têm recorrido a um crédito pessoal com a finalidade de obras. Falamos de intervenções consideradas emergências, tais como as avaliadas num estudo pela plataforma digital de construção Habitissimo em 2020. 

Esta empresa verificou que, entre o top 10 dos serviços mais pedidos no ano passado, as principais solicitações centravam-se no desenvolvimento de áreas novas, construção de garagens, controlo de pragas, serralharia e na implementação de novos serviços de segurança contra incêndios. Isto mostra que as pessoas, para além de mudarem a parte estética das residências, precaveram-se contra imprevistos. Estas categorias cresceram, em média, mais de 400% do que em anos anteriores. Ou seja, existiu um comportamento de cautela alinhado com as inquietações despertadas pela pandemia. Mas existem opções mais simples caso só pretenda dar um novo ar a certos compartimentos da casa. 

Uma solução é aderir à DIY (em inglês, do it yourself), que é como quem diz “faça você mesmo”. A ideia é pegar em materiais que iriam para o lixo e reutilizá-los para que estes contribuam para uma nova decoração do seu “ninho”. Imagine que tem um móvel velho que já nem usa. E se lhe desse uma outra vida com uma pintura e uma remodelação? Quem sabe até deixar uma planta numa das prateleiras do móvel? Outra opção pode ser “passar uma de mão” nas paredes de uma divisão da casa. Uma cor diferente muda o ambiente e pode-lhe trazer mais calma, para além de que o sentimento de novidade poderá motivá-lo a alterar outros pequenos aspetos da sua habitação.

No fundo, as ideias são infindáveis. Há que aproveitar que a tendência está em alta para retirar novas formas de preencher a sua casa e fazer com que se sinta o mais confortável possível nestes tempos conturbados.

DOTA: Dragon’s Blood | Trailer oficial | Netflix

DOTA: Dragon’s Blood | Trailer oficial | Netflix

Instagram

Nova funcionalidade do Instagram permite fazer diretos até 4 pessoas