in ,

Jogo “O Caminho do Humor” quer quebrar monotonia do confinamento

o caminho do humor

Mais frio, mais tempo com a família e com mais vontade de levantar o ânimo? O jogo “O Caminho do Humor” é a companhia perfeita para tornar as tardes ou serões de inverno mais aconchegantes e animados.

Criado por Salvador Martinha com a WSA e produzido pela Clementoni, o jogo coloca toda a família em despique, seja em termos de conhecimento, destreza a construir uma piada curta, ou habilidade em transformar uma pergunta, sensação ou experiência numa história de humor.

Enquanto jogamos “O Caminho do Humor” podemos recordar os protagonistas do programa de Raul Solnado “A Visita da Cornélia”, ficar a saber qual é o erro mais comum na primeira atuação de um comediante, qual foi o primeiro programa de televisão criado por Hérman José, quem começa os seus espectáculos a dizer “Vim de Braga” e quem é o “Senhor do Bolo” de Bruno Nogueira.

Nos desafios “Conta Tu” transformamos perguntas como “Com quem morarias durante a pandemia?”, “Que alcunha finges que nunca tiveste?” ou “Qual foi a pior compra que fizeste?” numa história de 1 minuto.

“Faz tu” uma piada curta com palavras como “flamingo”, “pudim flan” e “cachorrão” é outro dos desafios lançados.

Um jogo para todas as idades que incentiva também à partilha nas redes sociais dos conteúdos humorísticos criados ao longo do jogo, utilizando a hashtag: #OCaminhoDoHumor e identificando as páginas: @salvadormartinha, @wsa_creativeagency e @clementonitoys_pt.
 
Locais de Venda: FNAC, Intermarche, E.Leclerc, Auchan, Papelaria Americana, Modelo Continente, Worten, Toys R Us, El Corte Inglés.

CA Notícias | Entretenimento, desporto, tecnologia e lifestyle

Naming negociado para o Restelo