Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

Evento – Marielle Presente! Um Mês de Resistência

Acontece este fim-de-semana em Lisboa o evento Marielle Presente! Um Mês de Resistência. Com duração de dois dias – 13 e 14 de Abril, sexta e sábado – o evento apresenta um variado programa de performances e debates que pretendem abordar vários temas e devem definitivamente receber a nossa atenção.CA Notícias Evento - Marielle Presente! Um Mês de Resistência

A ideia (ou necessidade) de organizar este evento surge a partir do assassinato da vereadora Marielle Franco, no passado dia 14 de Março, no Rio de Janeiro. Um mês passado desta tragédia, que chocou brasileiros e portugueses, a sua vida não pode ser esquecida e a sua voz não pode ser calada. Deste modo, completa-se um mês de resistência, e para isso, são unificadas vozes que mantêm vivos os temas que a activista brasileira representava: democracia, direitos humanos, movimento negro, feminista e LGBT.

O programa reúne duas manifestações multiculturais sem fins lucrativos. No dia 13, das 21h às 23h30, o espaço Anjos70, nos Anjos, será local para uma performance da artista Thaís Zaki, para a projecção de um audiovisual sobre a luta brasileira, da Mídia Ninja e do Colectivo Andorinha, e para um debate aberto com ativistas femininas imigrantes e portuguesas. Estarão presentes Samara Azevedo (Coletivo Andorinha), Joacine Katar, Belinha (GTOlx), Geanine Escobar (Coletivo Zanele Muholi de Lésbicas e Bissexuais Negras – Lisboa) e Lina Moscoso (Casa do Brasil).

No dia 14, das 15h às 23h, o movimento passa pela Praça Martim Moniz para o referido evento político-cultural de homenagem a Marielle Franco. Este conta com a presença de organizações e indivíduos dos movimentos democráticos, negro, LGBT e feminista, num programa mais variado:

CA Notícias Evento - Marielle Presente! Um Mês de Resistência  Marielle Presente! conta com o apoio da Assembleia Feminista Lisboa, da Casa do Brasil de Lisboa, da Consciência Negra, do Colectivo Andorinha – Frente Democrática Brasileira de Lisboa, do Colectivo Zanele Muholi de Lésbicas e Bissexuais Negras de Lisboa, da Djass – Associação de Afrodescendentes, da Mídia Ninja, do Por Todas Nós – Movimento Feminista, da Rádio AfroLis e da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta.

O evento é gratuito e aberto a todo o público. O objectivo é ampliar a representatividade destas causas, unindo vozes através da arte e da cultura.

Participa para manter a voz da Marielle viva!

Evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/2217497551810831/

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar está a concordar com a utilização dos mesmos. Pode saber mais consultando a nossa Politica de Privacidade. AceitarSaber mais

X