em

Comunicado do departamento de Futebol de Formação do Clube de Futebol “OS BELENENSES”

O departamento de Futebol de Formação do Belenenses, fez esta sexta-feira um comunicado no qual esclarece as recentes notícias referentes às saídas dos atletas Pedro Marques e Heriberto Tavares.

“COMUNICADO DO DEPARTAMENTO DE FUTEBOL DE FORMAÇÃO DO CLUBE DE FUTEBOL “OS BELENENSES”

Estão hoje a ser difundidas notícias que dão conta de que o nosso atleta de futebol da categoria júnior Pedro Marques assinou contrato com a Sporting, SAD e que o nosso atleta, também júnior, Heriberto Tavares terá assinado contrato com a Benfica, SAD.

O Clube de Futebol “Os Belenenses” desconhece em absoluto se estes factos correspondem, ou não, à verdade. Podemos, no entanto, garantir que nunca algum dirigente do CFB se sentou com algum desses dois clubes para negociar a cedência de qualquer um destes atletas, ou de outros, da nossa formação.

Também podemos garantir que não recebemos qualquer compensação financeira, nem rubricamos quaisquer contratos relativos a estes atletas com esses ou outros clubes.

Mas sobre a relação entre o Clube e a SAD relativa ao futebol de formação gostaríamos de destacar um primeiro aspecto antes de explicarmos outros detalhes:

A UEFA distribui todos os anos ao futebol de formação do CFB uma verba que é canalizada através da Liga de Clubes.

Como o sócio da Liga de Clubes é a SAD e não o CFB, a Liga envia essa verba para a SAD que a deveria entregar ao CFB.

Desde a época 2011/12 que o actual Conselho de Administração da SAD recebe as importâncias correspondentes e cativa-as não as enviando para o CFB.

Os valores em causa são os seguintes:
2011/12 – 34.652,56 €
2012/13 – 43.941,00 €
2013/14 – 42.689,97 €
2014/15 – 40.560,94 €
2015/16 – falta apurar o valor
Total de 161.844,47 €

Numa altura em que o CFB está a fazer uma das melhores épocas de sempre no seu futebol de formação com todas as suas equipas a disputarem as séries de apuramento de campeões nacionais e encontrando-se inclusive a sua equipa de juniores a liderar o respectivo campeonato, este comportamento da SAD é inacreditável para mais se pensarmos que os únicos atletas cujos direitos foram alienados na gestão da actual Administração da SAD foram dois jogadores formados pelo CFB: Dálcio e Freddy.

Ou seja, a SAD não só vende jogadores da nossa formação apropriando-se da totalidade da receita e não pagando o valor referente a 15% que pertence ao CFB, como ainda retém e não entrega ao clube as verbas que a UEFA envia para o CFB a título de apoio ao futebol de formação.

É de facto, uma situação extraordinária e que atesta bem a falta de respeito que a SAD vem manifestando pelo Clube de Futebol “Os Belenenses” e pelo seu futebol de formação.

Mas sobre esta relação Clube/SAD relativamente ao Futebol de formação queremos informar os sócios e adeptos sobre o seguinte:

Faz hoje, exactamente, um ano que me foi proposto, por parte da Direcção do nosso Clube, na pessoa do Senhor Presidente, Dr. Patrick Morais de Carvalho, liderar o Departamento de Futebol de Formação.

Neste âmbito, a missão que me foi confiada foi a de dotar o Departamento de uma estrutura técnica e directiva, qualificada, séria, apaixonada e comprometida com o sucesso. Na rede matricial do nosso ADN, desenvolvemos as capacidades dos nossos atletas, aguçamos as nossas estratégias de recrutamento no sentido de captar atletas de igual ou superior qualidade, concretizando o nosso propósito de forma inequívoca, isto é, “competir de olhos nos olhos com os nossos tradicionais rivais, denominados de três grandes”.

Neste corolário, poderá dizer-se de forma translúcida, que plasmámos os objectivos e as metas conseguidas pelos Escalões base de formação (até ao Sub-14), projecto iniciado ainda pela anterior Direcção do Clube, nas pessoas do Senhor Presidente, Eng.º. António Soares, e do Senhor Vice-Presidente, Dr. Nuno Almeida Costa, por quem nutro grande respeito, amizade e consideração.

Até hoje, apesar de muitas vezes ser contactado pela comunicação social a fim de prestar declarações sobre assuntos relacionados com a relação Clube/SAD a minha resposta foi, invariavelmente, a mesma, e cito: “Os problemas do Belenenses, discutem-se e resolvem-se no seio da família Belenenses”.

Todavia, é meu dever enquanto responsável por um corpo técnico, constituído por cerca de 70 pessoas, entre os quais, directores, secretários, técnicos e pessoal administrativo, refutar de forma inequívoca e clarividente, de forma a repor a verdade, as declarações proferidas pelo Senhor José Luís Domingos, no Jornal “A Bola” do passado mês de Março, bem como as notícias hoje veiculadas sobre os nossos jovens atletas Pedro Marques e Heriberto Tavares.

Sobre as declarações do senhor José Luís Domingos que aqui se transcrevem:

A) “É muito simples, neste momento os jogadores dos Juniores não podem treinar com os Seniores. E não por nossa culpa. Já o solicitámos ao clube várias vezes mas, a Direcção não autoriza.”

1. O Atleta Gonçalo Tavares (capitão da Equipa Sub-19 do C.F. “Os Belenenses”) integrou todo o estágio de pré-época, inclusive, o estágio em Fornos de Algodres (5 a 11 de Julho de 2015) da Equipa profissional Belenenses, SAD.
2. O Atleta Gonçalo Tavares (capitão da Equipa Sub-19 do C.F. “Os Belenenses”) esteve presente, a 9 de Setembro de 2015, no jogo de apresentação do U.D. Vilafranquense, tendo contribuído para a vitória por 1-3.
3. A pré-época da Equipa de Sub-19 do C.F. “Os Belenenses” estava programada para ter início a 6 de Julho de 2015. Porém, o Senhor José Luís Domingos solicitou-nos um jogo de treino com a equipa profissional no dia 4 de Julho, o qual anuímos.
4. No período compreendido entre 5 e 11 de Outubro de 2015, e em virtude da ausência do atleta do Belenenses, SAD, Hugo Ventura, convocado ao estágio da Selecção Nacional A para defrontar a Dinamarca e a Sérvia, foi-nos solicitado a presença de um guarda-redes da equipa Sub-19, o qual anuímos prontamente, com a participação dos atletas Pedro Garcia e Samuel Nóbrega nos treinos da Equipa Profissional.
5. A 13 de Outubro de 2015, o Sr. José Luís Domingos solicitou a presença de um lateral direito, o que mais uma vez, respondemos positivamente, com a presença do nosso atleta Alexandre Figueiredo (Sub-19).
6. Para o período compreendido entre 18 e 30 de Março de 2015, a Belenenses, SAD, solicitou-nos um treinador de guarda-redes, o qual anuímos de forma pronta e expedita com a presença do técnico de guarda-redes, Professor Ricardo Sousa.
7. A Belenenses SAD nunca solicitou ao CFB a presença de qualquer outro atleta para além dos atrás referidos com a excepção de um pedido relativo ao atleta Tiago Martins de 24 de Fevereiro de 2016 que não mereceu resposta por parte do CFB na medida em que já nos tinha sido transmitida a falta de interesse pelo referido atleta.

B) “É mau para os pais e especialmente para os miúdos. Eles vêm para o Belenenses aliciados pela possibilidade de poderem chegar a Seniores. Se não podem, o que estão aqui a fazer?”

Perante esta acusação, sou a responder, que a Formação Desportiva no C.F. “Os Belenenses” não se esgota no apenas ser ou não ser jogador profissional, ser ou não ser muito ou pouco dotado de capacidades técnicas – vai muito para além disso!

No nosso entender, a formação desportiva assenta na capacitação dos nossos atletas na preparação dos desafios presentes e futuros, junto daqueles que enquadram e supervisionam a prática da actividade física, no nosso caso, o futebol.

Neste sentido, dotando os nossos atletas de capacidades e aptidões físicas, sociais, humanas e intelectuais, continuaremos na busca constante, com vista a almejar os seus melhores futuros. Ao Senhor José Luís Domingos, respondo que no C.F. “Os Belenenses” ninguém alicia a sonhos impossíveis, apenas que nos deixem sonhar.

C) “Não vou dizer (jogadores) para não sofrerem represálias”.

Sou a informar o Sr. José Luís Domingos, que no C.F. “Os Belenenses”, não vivemos nem promovemos um subsistema repressivo mas sim, um contexto cujos códigos e condutas morais, éticas, religiosas, sociais e culturais são aceites e a liberdade de escolha individual será sempre respeitada.

Sobre as notícias de hoje referentes aos atletas Pedro Marques e Heriberto Tavares queremos dizer o seguinte:

No dia 29 de Janeiro de 2016, o CFB representado por mim próprio e pelo Senhor Dr. Carlos Meira, manteve uma reunião com a Belenenses, SAD representada pelos senhores Júlio Velasquez, José Luís Domingos, Dr.Rui Pedro Soares e Nuno Almeida.

Nessa reunião informamos a Belenenses, SAD de que tínhamos conhecimento de que havia clubes grandes portugueses e internacionais que andavam a abordar os nossos atletas juniores Tiago Martins, Pedro Marques e Heriberto Tavares.

Propusemos à Belenenses SAD que rubricasse de imediato contrato profissional com os referidos atletas e que pagasse os respectivos direitos de formação ao CFB (queremos lembrar que o CFB está impedido de celebrar contratos de trabalho profissional com os seus atletas em virtude do protocolo existente com a Belenenses, SAD).

Os representantes da Belenenses, SAD informaram-nos de que já tinham tentado assinar contrato profissional com o atleta Pedro Marques mas que não tinham obtido sucesso, que sobre Heriberto Tavares não estavam interessados até pela relação difícil existente com o pai do atleta e que relativamente ao guarda redes Tiago Martins estava completamente fora dos planos, que não havia interesse.

De resto, dessa reunião saiu apenas uma proposta da Belenenses, SAD ao CFB que seria nós assinarmos um contrato de formação com o atleta Pedro Rodrigues, do Sport Lisboa e Benfica, no sentido do mesmo ser inscrito como amador no CFB (não realizando qualquer jogo pelos nossos juniores e transitando de imediato para os seniores da Belenenses, SAD) e depois rubricar contrato profissional com a Belenenses, SAD.

Não anuímos à referida proposta por questões éticas e porque conhecíamos o atleta em causa e sabíamos que já tinha contrato profissional com a Benfica, SAD.

Mas sobre este tema, queremos ainda informar os sócios do CFB que no dia 15 de Fevereiro de 2016 enviamos uma carta registada com aviso de recepção à Belenenses, SAD alertando mais uma vez sobre o valor dos atletas Pedro Marques e Heriberto Tavares onde exortamos a Belenenses, SAD a actuar “tratando-se de dois dos activos mais valiosos da equipa Sub-19 do Clube de Futebol “Os Belenenses” e por forma a assegurar que a sua actuação no mercado vai ao encontro dos anseios da esmagadora maioria dos associados e adeptos do Belenenses, solicitamos formalmente a V. Exas. que nos informem, com urgência, da existência, por parte dessa sociedade, de interesse nos atletas referidos”. – (cópia da carta em anexo).

Para terminar, dizer que lamentamos profundamente que estes nossos atletas, como outros de igual ou superior valor que temos nos nossos quadros, não ingressem na Belenenses, SAD em virtude dessa sociedade não ser proactiva no mercado futebolístico e se deixar consecutivamente ultrapassar por todos os seus rivais.

Da nossa parte teríamos o maior orgulho em ver estes nossos atletas a singrarem com o símbolo da cruz de cristo ao peito!

Agora, permitam-nos estar focados porque temos um título nacional para disputar.

Viva o Belenenses!

Restelo, 8 de Abril de 2016
João Miguel Raimundo
Director do Futebol de Formação do CFB
Sócio nº 5037 do Clube de Futebol “Os Belenenses” “

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AQUATLO DE SETÚBAL - PÓDIOS PARA JOÃO MARTINS

Aguilar apto para Setúbal

 [Deal Alert] E que tal um Vernee Thor por €88?