in , , , , ,

Cage The Elephant no NOS Alive’ 17 – Um final energético [com fotogaleria]

Cage The Elephant, NOS Alive, Cage The Elephant no NOS Alive’ 17 – Um final energético [com fotogaleria], CA Notícias, CA Notícias

Com um recinto do Passeio Marítimo de Algés recheado com 55 mil pessoas, e o concerto dos Depeche Mode já dentro do encore, era com grande expectativa que se esperava o concerto dos Cage The Elephant. Era previsível que a tenda que cobre o palco Heineken estivesse repleta, quer fosse pelos fãs da banda ou pelos indefectíveis fãs de Depeche Mode que não quereriam ir para casa tão cedo. Portanto só faltava saber se a banda iria estar à altura do momento.

Cage The Elephant, NOS Alive, Cage The Elephant no NOS Alive’ 17 – Um final energético [com fotogaleria], CA Notícias, CA Notícias

Essa dúvida assolava a mente de alguns dos presentes, mas não para quem já tenha visto a banda em palco. Os Cage The Elephant deram-se a conhecer a um grande número de pessoas que não ficaram indiferentes à energia passada pelos americanos, agora sediados em Londres. Houve tempo para momentos punk liderados pelo vocalista Matthew Shultz (um verdadeiro showman dos tempos modernos) como para uma “Cigarrete Daydreams” cantada em uníssono pelo público (um dos grandes momentos do dia e do festival).

https://canoticias.pt/entretenimento/depeche-mode-no-nos-alive-17-nao-os-silenciem/

O palco Heineken é pródigo em grandes concertos de bandas desconhecidas do grande público, mas que são de culto entre os seguidores mais acérrimos das novidades do panorama musical. Esta edição do festival não foi a excepção à regra. E um dos grandes movimentos para tal foi o concerto da noite de sábado de Cage The Elephant.

Cage The Elephant, NOS Alive, Cage The Elephant no NOS Alive’ 17 – Um final energético [com fotogaleria], CA Notícias, CA Notícias

O alinhamento apresentado foi uma mescla de músicas retiradas dos dois últimos álbuns da banda, “Melophobia” de 2013 e “Tell Me I’m Pretty” de 2015, havendo ainda oportunidade para passar pelo “Thank You, Happy Birthday” e o álbum homónimo, de onde se retira o êxito “Ain’t No Rest for the Wicked”.

A base de fãs apresentou-se em número considerável, e certamente aumentou hoje, visto ser difícil ficar indiferente às músicas e à forma como a banda as interpreta ao vivo.

“Trouble”, “Cold, Cold, Cold”, “Cigarette Daydreams” e “Come A Little Closer” revelaram-se como momentos altos dum concerto energético que ficará na memória colectiva da edição deste ano do NOS Alive.

FOTOGALERIA

Cage The Elephant, NOS Alive, Cage The Elephant no NOS Alive’ 17 – Um final energético [com fotogaleria], CA Notícias, CA Notícias

SETLIST

Cry Baby
In One Ear
Spiderhead
Too Late to Say Goodbye
Cold, Cold, Cold
Trouble
Ain’t no Rest for the Wicked
Mess Around
Punchin’ Bag
Telescope
Back Against The Wall
Whole Wide World
It’s Just Forever
Cigarette Daydreams
Shake Me Down
Come A Little Closer
Teeth

Texto: Guilherme Teixeira / Fotografia: Tiago Pereira

https://canoticias.pt/entretenimento/imagine-dragons-no-nos-alive-17-no-palco-certo-do-festival-fotogaleria/

, Spoon no NOS Alive ’17 – Uma antevisão até Novembro, CA Notícias, CA Notícias

Spoon no NOS Alive ’17 – Uma antevisão até Novembro

, Jesús Hernández: «Darei tudo por esta camisola», CA Notícias, CA Notícias

Jesús Hernández: «Darei tudo por esta camisola»