22/05/1960 – Matateu alcança 27ª internacionalização na Selecção A

By oficinadosite

História – Efemérides

// 21 de Maio de 2014

Nesta data, Matateu fez o seu último jogo pela Selecção Nacional.

Não foi uma despedia feliz, porque Portugal perdeu por 5-1. No entanto, esta época teria, sim, um final feliz para Matateu, visto que o Belenenses arrebataria a Taça de Portugal.

De qualquer modo, só por infelicidade este foi o último jogo de Matateu pela Selecção. No Outono de 1961, foi convocado e estava para ser titular nos jogos que Portugal iria disputar com o Luxemburgo e com a Inglaterra – no 1º caso fazendo companhia ao seu colega de equipa Yaúca e, no segundo caso, ao mesmo Yaúca e ao irmão Vicente. Também teria sido a oportunidade de ver ao mesmo tempo em campo, a dupla, sobre a qual tanto se especulou, Matateu e Eusébio.

Embora seja o maior número de internacionalizações atingidas por um jogador do Belenenses enquanto representou o clube, a quantidade de 27 pode induzir em erro quanto ao seu significado.

Na época havia muito menos jogos de selecção do que hoje. Na Europa, aliás, o número de países era muito menor do que hoje, depois do desmembramento da ex-URSS, da Jugoslávia, da Checoslováquia… Tanto as fases de qualificação como as fases de final para os Campeonatos do Mundo e da Europa tinham reduzido número de partidas. Por fim, Matateu só relativamente tarde, aos 24 anos, chegou a Portugal e ao Belenenses, e aí foi fustigado por lesões, visto que os defesas contrários não poupavam.

Nessas 27 partidas, Matateu marcou 13 golos.

JMA

Fonte: Os Belenenses

Também poderá gostar Mais do autor

A carregar...
X