Lucas salvou os insulares

Empate chegou mesmo ao cair do pano | Azuis foram superiores na maior parte do encontro | Desentendimento entre Abel Camará e Marçal agitou segunda metade do encontro


O Nacional tem ainda muito trabalho a fazer antes de disputar o play-off da Liga Europa (21 e 28 de agosto), nomeadamente no que ao setor defensivo diz respeito. Ontem, no jogo de preparação com o Belenenses, em Rio Maior, foram os azuis do Restelo que mandaram no encontro, constantemente a encostar os insulares para junto da baliza de Gottardi.

Fábio Sturgeon conseguiu colocar o Belenenses em vantagem aos 25 minutos, já depois de muitas tentativas da ofensiva da cruz de Cristo logo desde os minutos iniciais da partida.

Há jogos em que só custa marcar o primeiro; neste não foi o caso. O marcador manteve-se intacto até depois do intervalo, com os azuis quase sempre superiores e a criarem múltiplas oportunidades.

Só aos 89 minutos, e depois de muito suar, o Nacional conseguiu chegar ao empate, por intermédio do avançado angolano Lucas João. Ainda antes do apito final, Ayala marcou o segundo golo dos insulares, que foi anulado, deixando dúvidas na bancada.

A jogar debaixo de sol e com os termómetros a roçar os 30 graus, foi bastante evidente o cansaço de ambas as equipas, principalmente na segunda metade do jogo.

Miguel Rosa foi o Jogador mais influente no encontro, tendo assistido Sturgeon para o goto dos azuis. Não chegou para ganhar.

A marcar a segunda parte do encontro ficou também a desavença entre Abel Camará e Marçal. Após terem colidido um no outro, Camará confrontou o lateral-esquerdo dos alvinegros e chegou mesmo a dar-lhe um encosto com a cabeça.

Destaque ainda para o extremo esquerdo Miguel Rosa, o mais influente dos azuis, e para o guardião madeirense Gottardi, que teve muito trabalho para evitar mais golos do Belenenses.

Com o futuro ainda em aberto, Fernando Ferreira, que na última semana se treinou à parte, esteve ausente da lista de convocados de Lito Vidigal.

“PLANTEL LIMITADO”, Lito Vidigal (Treinador do Belenenses)

Algumas equipas estão recheadas de valores e nós temos um plantel limitado. O grupo está longe de estar fechado, tenho dito isso desde o primeiro dia, precisamos de jogadores que tornem a nossa equipa mais forte e mais competitiva.»

por CAROLINA BORGES

Via: Crónicas Azuis

anuncio
  

O Belenenses faz parte do teu dia a dia?

Junta-te a nós, juntos vamos divulgar mais e melhor o Belenenses!

Candidata-te aqui - https://goo.gl/jfTi3z Ou segue-nos no facebook em CA Notícias

X