Canal Alternativo de Notícias, as últimas notícias do mundo do desporto, da tecnologia e do entretenimento. Os últimos resultados, lançamentos, estreias.

“Amar Pablo, Odiar Escobar” chega aos cinemas na próxima semana

A história verdadeira de Pablo Escobar marca um regresso ao cinema mainstream do Fernando Leon de Aranoa, contando nos principais papéis com Penélope Cruz e Javier Bardem. Nos cinemas portugueses a 12 Julho.

Virginia Vallejo, a jornalista e apresentadora de televisão mais famosa da Colômbia teve um caso com Pablo Escobar, já casado na altura. Culta, de uma família de alta sociedade, tinha uma beleza, vaidade, altivez e audácia que a tornavam irresistível aos olhos do líder dos narcotraficantes. Pela sua parte, Pablo era um homem sedutor, que sabia fazer as pessoas sentir-se especiais.

A história de amor de Virginia e Pablo Escobar (1982-87) transformou-se numa crónica de horror e vergonha, tendo Virginia, nos anos que se seguiram, pago um preço alto por esta relação, que viria a colocar fim à sua carreira e em risco a sua vida.

Após ter publicamente acusado vários presidentes e políticos colombianos de serem beneficiários e cúmplices dos principais cartéis da cocaína, em 2006, Virginia pede asilo aos Estados Unidos em troca de colaboração com o Departamento da Justiça americano. A  saída da amante de Escobar da Colômbia faz a primeira página em 42 jornais de todo o mundo.

Em Amando Pablo, Odiando Escobar, livro que está na origem do filme de Fernando León de Aranoa  Virginia Vallejo revela uma das mentes criminosas mais sinistras do nosso tempo: a sua capacidade de incutir terror e gerar corrupção, as ligações entre os negócios ilícitos e as várias figuras de Estado, os assassinatos e a guerra que engoliram o seu país. A verdadeira história do barão da droga, entre o glamour e o estado de terror e sangue em que a guerra ao narcotráfico terminou.

Sinopse
Esta é a história da ascensão e queda do senhor da droga colombiano, Pablo Escobar Gaviria (Javier Bardem), fundador do cartel de Medellín, contada pela sua glamorosa amante Virgínia Vallejo, já então uma jornalista conhecida, com o seu próprio programa de televisão.

Brilhante e cheio de ação, AMAR PABLO, ODIAR ESCOBAR passou pelo Festival de Veneza e Toronto. Protagonizado pelo casal Javier Bardem e Penélope Cruz, marca um regresso ao cinema mainstream do Fernando Leon de Aranoa, o premiado realizador espanhol, mais conhecido por dramas sociais e políticos, como “Às Segundas ao Sol”.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar está a concordar com a utilização dos mesmos. Pode saber mais consultando a nossa Politica de Privacidade. AceitarSaber mais

X